Valve lança Steam para TVs conectadas

Por Redação | 10 de Setembro de 2012 às 20h15

A Valve quer dominar o mercado de games e isso está ficando cada vez mais evidente. Como prova, a desenvolvedora de Gabe Newell acaba de anunciar o lançamento da versão beta do sistema Big Picture, uma interface que permite a acessibilidade de games sem precisar de um PC, ou qualquer outra plataforma pra isso.

As coisas estão mudando e esse projeto que ainda está em fase de experimentação será também um canal de venda digital de jogos de videogame, reforçando ainda mais a teoria de que o futuro será na base do download.

A navegação é feita através de controles que permitem que o usuário jogue seus títulos favoritos diretamente na televisão, sem haver dependência de qualquer plataforma que seja.

O futuro dos jogos pede novidades. No entanto, isso não quer dizer que o fim dos consoles está próximo, ainda mais com a iminência dos vídeogames da nova geração. Mas é bom dizer que tudo pode ser diferente daqui pra frente com a criação dessa nova ferramenta. A comodidade é a arma do negócio para um público que está, digamos, cada vez mais preguiçoso. E com o Big Picture a Valve acertou na mosca.

valve10

A Steam TV é uma interface que você pode acessar como uma espécie de dashboard do Xbox 360, com bem menos propaganda ou qualquer outra coisa chata que deixe a navegação ruim. Ele é totalmente limpo e direto. Tudo o que se faz no Steam é possível através desse novo sistema: comprar jogos, entrar na web e até conversar com os amigos.

As fontes, ícones e menus são bem grandes para ajudar na seleção, feitos para telas de grandes proporções. É possível usar o Big Picture em um monitor normal também, com auxílio do teclado e mouse, mas o sistema foi projetado especialmente para o uso do joystick. Trata-se de uma interface feita para ser usada numa sala de estar, pois é o lugar onde os jogadores mais gostam de ficar.

A ideia da desenvolvedora é expandir cada vez mais e mais, para conseguir um espaço especial no mercado de jogos, sendo que seu poderio ainda está bem escondido dos olhos curiosos que esperam grandes anúncios para a indústria. E no que diz respeito às plataformas atuais, a Valve não está feliz com o rumo que as produtoras de hardware estão tratando seus produtos. Portanto, injetando essa nova ideia, ela espera que outras empresas se inspirem um pouco para oferecer algo inédito para um público sempre faminto por novidades: os gamers e amantes de tecnologia.

CONSOLE PRÓPRIO?

Ainda é tudo muito incerto nesse campo, mas se for do interesse dos fãs da Valve, bem como dos próprios desenvolvedores, e houver apoio financeiro para tal, existe a possibilidade da empresa fazer seu próprio videogame.

Porém, vale desmentir aqui os rumores anteriores sobre esse assunto, quando foi anunciado que a desenvolvedora estaria atrás de um profissional de hardware especialmente para esse fim. Descobrimos que, na verdade, a produtora está projetando um óculos especial de realidade aumentada que irá mudar o conceito de jogabilidade que conhecemos hoje, deixando-nos, possivelmente, ainda mais imersos no gameplay. É o futuro do qual temos conhecimento nos filmes futuristas.

Infelizmente informações sobre o acessório só virão mais pra frente. Do jeito que anda saindo notícia atrás de notícia sobre a produtora de jogos, isso não vai demorar.

“Faria sentido criar um hardware, mas ainda não temos um planejamento. Esperamos aprender muito com o lançamento desse nosso novo projeto”, complementou Greg Coomer, diretor de desenvolvimento do Big Picture.

valve 1

Será que Microsoft e Sony devem se preocupar?

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!