Sony vende estúdio de jogos online responsável por Planetside 2

Por Redação | 02 de Fevereiro de 2015 às 18h04

Em um movimento inesperado no mercado de games, a Sony Online Entertainment está sendo vendida para a Columbus Nova, uma empresa dedicada a realizar investimentos no mundo da tecnologia. E sua empreitada com games foi voltada, justamente, para uma das principais companhias do mundo dos jogos online, que agora, passa a atuar de forma independente e promete lançar jogos também para Xbox e plataformas móveis.

A partir de agora, a SOE passa a se chamar Daybreak Game Company. Apesar disso, e dos novos rumos de desenvolvimento e distribuição de títulos, pouca coisa deve mudar. A companhia continua dona de algumas de suas principais franquias, como DC Universe Online e Planetside 2. Além disso, a aquisição não deve interferir nos jogos que estão sendo desenvolvidos atualmente, como Everquest Next e H1Z1, por exemplo.

No comunicado oficial, o tom é justamente o contrário. A companhia fala em expandir ainda mais seus horizontes com o novo investimento, deixando de ser uma empresa dedicada exclusivamente a games de PC ou consoles da linha PlayStation. Agora, a ideia é tornar os títulos em produção ainda melhores e pensar em novas maneiras de trabalhar com o próprio conteúdo, lançando-os para mais plataformas e em novos formatos.

O valor da compra não foi revelado, mas ao que parece, a Daybreak permanecerá funcionando de maneira independente. Aqui, temos outro ponto que também deve gerar pouca mudança já que, apesar de atuar com o nome da Sony, a SOE já era bastante destacada da companhia japonesa, muitas vezes priorizando o lançamento de seus games para computador e trabalhando apenas de forma posterior em edições para os consoles da marca.

A empresa prometeu que as primeiras novidades sobre esse novo direcionamento devem surgir em breve. A desenvolvedora acabou de lançar H1Z1 no Steam, em versão ainda não finalizada, e vem trabalhando também em uma versão de Planetside 2 que, por enquanto, é exclusiva para o PlayStation 4. Resta saber, apenas, se esse fator vai prevalecer ou se os fãs do Xbox também poderão colocar as mãos no game de tiro em alguns meses.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.