PlayStation Now entra em fase beta com aluguel de jogos por até US$ 15

Por Redação | 31.07.2014 às 16:25

Depois de passar por testes fechados com alguns usuários norte-americanos, o PlayStation Now entra agora oficialmente em fase de beta aberto. Por enquanto, o serviço está disponível apenas para jogadores do Canadá e Estados Unidos, mas qualquer um que resida nesses países ou tenha uma conta na PSN desses locais pode começar a experimentar a novidade. As informações são do PlayStation Blog.

O PS Now é uma plataforma que permite jogar títulos da família PlayStation por meio de streaming, ou seja, tudo é executado em uma máquina remota que identifica os comandos feitos pelo usuário e transmite as imagens pela internet – ao contrário da PlayStation Plus, na qual você paga por uma assinatura e faz o download dos jogos direto no HD do console. Dessa forma, o recomendado, até pela própria Sony, é que sua conexão de rede seja de pelo menos 5 Mbps para rodar o serviço sem lentidão, lag ou travamentos.

Agora nesta fase beta, o PlayStation Now só está acessível através do PS4 e rodará apenas jogos de PS3. Será possível visualizar uma biblioteca composta por mais de 100 títulos da terceira geração do PlayStation e alugar jogo individualmente por períodos de 7, 30 ou 90 dias. Quem quiser aproveitar um game específico por um tempo menor também poderá alugá-lo por somente 4 horas.

Os preços variam de acordo com o "plano" comprado pelo jogador. Por exemplo, se o usuário adquirir um aluguel de 4 horas, terá de pagar US$ 2,99, valor que garante usufruir daquele jogo apenas por esse período. Por 7 dias, cada jogo custa US$ 5,99, por 30 dias US$ 7,99, e por 90 dias US$ 14,99. Alguns títulos disponíveis já vêm com todos os DLCs inclusos, o que significa que não será preciso pagar um valor adicional para adquiri-los.

PlayStation Now

De acordo com Jack Buser, diretor do programa de streaming, esses valores poderão ser modificados no lançamento oficial do serviço, uma vez que os preços foram duramente criticados por testadores da plataforma. A Sony inclusive tem planos de adotar uma estratégia semelhante ao Netflix e lançar um modelo de assinatura mensal com acesso liberado a quantos games o usuário quiser. "Ouvimos os jogadores sobre lançar o PS Now com opção de assinatura e lhes asseguro que estamos trabalhando nele", disse Buser.

Como dito, o PlayStation Now só roda atualmente no PS4, mas a previsão é de que o programa seja ampliado para o PS3, smartphones e TVs da companhia – há pouco mais de um mês, alguns modelos já receberam suporte para o software para que ele funcione assim que for lançado em sua versão final. Além disso, a Sony garantiu que, fora os jogos de PS3, a plataforma terá suporte para clássicos do PSOne e do PS2.

Ainda não há previsão de quando o serviço será disponibilizado no Brasil.