Blizzard cria itens no WoW em homenagem ao companheirismo de dois jogadores

Por Redação | 01 de Outubro de 2012 às 10h00

Em janeiro de 2012, Lisa Poisso nos deu o prazer de conhecer uma das histórias mais inspiradoras da comunidade gamer: um conto sobre dois jogadores de WoW, Ben Shaw e Owen. Ben é um soldado do exército britânico que teve seus dois olhos cirurgicamente removidos após um incidente com minas terrestres em Basra, no Iraque. Owen é um jogador de FPS que, com o apoio da namorada, resolveu jogar WoW no inicio de 2010. Ambos fazem parte da guilda de jogadores casuais Die Safe, que se reúne duas vezes por semana para Raids.

A única coisa que possibilita que o soldado britânico participe das Raids do clã é a presença de Owen e seu Dark Knight, Davidian.

O rapaz atua como "cão-guia" de Ben e, por meio de binds, indicações em áudio e macros especiais, o soldado consegue participar das aventuras no mundo de WoW com seus companheiros.

Lendo a história completa e o depoimento de Owen falando sobre a forma como ele encarou essa deficiência de seu amigo como mais um desafio para estar junto de seus companheiros, não há como não sentir aquela sensação de descascar cebolas. Até mesmo os desenvolvedores do game se sentiram na obrigação de homenagear ambos os jogadores.

Ben e Owen em uma raid

Owen e Ben em uma de suas Raids

A Blizzard honrou esta demonstração de confiança e amizade com a criação de dois itens, Hexu's amplifying Helm (Elmo amplificador de Hexu) e Davidian's All-Seeing (Olhos que tudo veem de Davidian). Ambos equipamentos são elmos do lvl 80, com atributos bem interessantes, mas a real homenagem está no texto de descrição dos itens: "Um homem com um amigo nunca fica sem visão" e "Forte o bastante para enxergar por dois homens". Ambos jogadores e a Guilda ficaram extremamente felizes com a homenagem feita pela Blizzard.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.