DeFi foca no Brasil e promove hackathon com R$100 mil em prêmios

DeFi foca no Brasil e promove hackathon com R$100 mil em prêmios

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Claudio Yuge | 08 de Novembro de 2021 às 22h40
Free-Photos/Pixabay

As inscrições para o hackathon DeFi para o Brasil se encerram agora em novembro. O desafio faz parte da iniciativa global DeFi For the People, encabeçada por algumas das principais organizações do setor.

O DeFi for the People é um consórcio formado por Celo, Aave, SushiSwap, Curve, 0x, PoolTogether, entre outros, com um fundo de cerca de R$ 500 milhões para estimular iniciativas educacionais e culturais para trazer o DeFi para mais pessoas no mundo.

Além do hackathon voltado para os brasileiros com quase R$ 100 mil reais em prêmios, a iniciativa também está promovendo outro hackathon global, que reúne até R$ 14 milhões em prêmios. A iniciativa ainda planeja investir US$ 5 bilhões (R$ 27,7 bilhões, na conversão direta) em projetos DeFi ao longo dos próximos 5 anos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

DeFi é referente a finanças descentralizadas, um conceito amplo que traz a tecnologia com uma ferramenta disruptiva e que pode eliminar intermediários nas aplicações financeiras, reduzir custos e oferecer o acesso a mais pessoas, a partir do uso de redes blockchain. O hackathon DeFi para o Brasil usará a plataforma blockchain de código aberto da Celo com foco no uso de smartphones.

O evento

O programa é aberto a participantes de diferentes áreas do conhecimento, como Marketing, UX/Design, Negócios, Desenvolvimento de Blockchain, Front-End, ou Full Stack, Empreendedorismo Social, Advocacia e Arte. O evento brasileiro deve distribuir mais de R$ 100 mil em prêmios para os participantes que trouxeram projetos e soluções inovadoras sobre como democratizar o acesso a aplicações em DeFi, NFTs e economia criativa, entre outros, somando ao ecossistema da Celo cujo foco é soluções inclusivas e mobile. Além disso, os participantes terão chances de participar do desafio hackathon global, também.

A programação da hackathon (Imagem: Captura de Tela/Dácio Augusto/Canaltech)

Os inscritos para a competição participarão de sessões de tutoria com especialista brasileiros, através do Discord, para a criação do projeto para a competição nacional. Na segunda semana do desafio, a partir do dia 22/11, os participantes recebem um segundo nível de tutoria qualificada para submeter os projetos para a competição global, a qual as inscrições se encerram dia 28/11.

Projetos relacionados aos seguintes tópicos devem ser desenvolvidos durante o evento:

  • DeFi Track: Ajude a democratizar o acesso ao dinheiro digital. Diga adeus ao TradFi. Crie, inove e construa novos aplicativos descentralizados voltados para dispositivos móveis em Celo, que é Proof of Stake, compatível com EVM e de código aberto.
  • NFT, Gaming and Creator Track: Defina o futuro da economia criativa. A tela para sua obra-prima. Projete, crie e acelere NFTs, jogos e mercados baseados em blockchain para que eles cresçam.
  • Green Track: Ideias de baixa emissão de carbono que colocam o planeta em primeiro lugar. Assuma o futuro. Ajude a resolver grandes problemas; mudanças climáticas, consumo excessivo, produção irresponsável e gerenciamento deficiente de recursos na plataforma “mobile-first” da Celo.
  • Infra-estrutura e Web3 Track: Inove no blockchain de código aberto da Celo. Construa um admirável mundo novo. Você é o arquiteto, Celo é a plataforma aberta para aplicativos e infraestrutura descentralizados que removem as barreiras das plataformas Web2.
  • Interoperabilidade Track: Tornando os blockchains suaves e perfeitos. Planeje, defina e forneça maneiras pelas quais a rede blockchain da Celo pode se comunicar e compartilhar dados. Aproveite a ponte Optics para construir novos aplicativos e ferramentas para o mundo cross-chain.
  • Cash In Cash Out Track: Tornando Celo mais acessível. Trabalhe para tornar o Celo mais acessível, aprimorando a gama de recursos de rampas de Cash In Cash Out da Celo, ou trilhos de pagamento ou caução para e-commerce
  • Organização Monetária Descentralizada no Celo: Crie o contrato inteligente e a interface web3 que permite aos usuários depositar liquidez na reserva DMO, receber tokens DMO e arbitrar qualquer diferencial na reserva e no valor do token.

As inscrições para a hackathon encerram no dia 14/11 e devem ser realizadas pelo site do DeFi Para o Brasil, disponível aqui.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.