Polícia Wi-Fi identifica e bloqueia hotspots ilegais durante as Olimpíadas

Por Redação | 02 de Agosto de 2012 às 18h40

O Comitê Olímpico Internacional (COI) proibiu a utilização de hotspots 3G nas imediações do Parque Olímpico, em Londres, Inglaterra, para evitar que essas conexões atrapalhem a comunicação entre equipes, a transmissão televisiva e também a utilização de equipamentos de cronometragem durante o evento esportivo.

Polícia Wi-Fi Olimpíadas

O Comitê quer evitar a utilização de outras frequências que possam atrapalhar o andamento das competições

E para evitar que esses pontos de acesso sejam estabelecidos, pessoas equipadas com rastreadores de frequência circulam pela área em busca dos pontos sem fio que utilizam a mesma faixa de ondas do Parque.

"Dispositivos inteligentes como Android, iPhone e tablets são permitidos dentro dos locais, mas não devem ser utilizados como pontos de acesso sem fio para conectar vários aparelhos", afirmou o COI ao Geeky Gadgets.

Todas as pessoas estão autorizadas a utilizar uma frequência estabelecida pelo Escritório de Comunicação do Reino Unido, que visa facilitar e gerenciar as comunicações durante as Olimpíadas 2012. Segundo o Reddit, os policiais do Wi-Fi possuem uma lista com as frequências permitidas e, assim que um espectador com o sinal proibido for identificado, eles irão desconectá-lo imediatamente.

A medida é muito interessante para evitar sinais de interferência nas transmissões e em todos os equipamentos esportivos que utilizam conexões sem fio.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.