1º escândalo: membros do Comitê Rio-2016 são demitidos por roubo de informações

Por Redação | 21.09.2012 às 12:43

Nove membros do Comitê Rio-2016 foram demitidos por estarem envolvidos no roubo de informações confidenciais do Comitê Olímpico Londres-2012. As informações são do Blog do Juca Kfouri.

Ainda segundo a publicação, Sebastian Coe, presidente do Comitê londrino, entrou em contato por telefone com Carlos Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), assim que soube que dados da sua organização haviam sido copiados sem sua autorização. Coe exigiu uma providência e até ameaçou entrar com ações judiciais para resolver o caso.

Rio 2016 logo

Funcionários do Comitê britânico vieram ao Brasil se certificar de que os documentos foram apagados

Os membros acessaram uma grande quantidade de documentos confidenciais do Comitê Olímpico Internacional (COI) como, por exemplo, dados de planejamento estratégico da entidade e também da área de segurança. Porém, o sistema de informações de Londres-2012 é muito rigoroso e foi fácil identificar o roubo dos dados, já que os membros tiveram acesso a um grande volume de informações.

Além disso, os analistas conseguiram identificar facilmente o login e a senha usados para acessar os dados confidenciais. Muitos dos documentos são de propriedade do comitê britânico e nunca poderiam ter sido visulizados por qualquer outro país ou órgão. O mais curioso de tudo isso é que quase todas as informações roubadas seriam repassadas de forma legal, no futuro, para a comissão brasileira.

Uma equipe de especialistas veio de Londres, Inglaterra, até o Brasil se certificar de que todos os dados foram apagados e removidos dos sistemas do comitê brasileiro.