Sobrecarga: Comitê Olímpico pede que plateia não use smartphones durante jogos

Por Redação | 30 de Julho de 2012 às 11h07

O Comitê Olímpico Internacional (COI) pediu que todas as pessoas que estão acompanhando de perto as Olimpíadas 2012 em Londres, Inglaterra, não enviem muitas mensagens de texto e nem façam postagens no Twitter durante as competições, já que essa ação estaria comprometendo as transmissões televisivas dos jogos.

Porta-voz COI Mark Adams

A organização enfrentou problemas durante a transmissão da prova masculina de ciclismo

De acordo com o The Next Web, os telespectadores não conseguiram assistir muitas partes da prova de ciclismo masculino no último sábado (28), devido a problemas na rede de comunicação. Os comentaristas também não conseguiram ter acesso aos tempos dos atetas por causa de problemas com a rede GPS.

Um porta-voz do Comitê pediu para que todas as pessoas utilizem os serviços de internet móvel nas áreas dos Jogos com 'moderação'. "Claro, se você quiser enviar alguma coisa, não vamos dizer 'não, você não pode fazer isso', e nós certamente nunca iríamos impedir ninguém. É que, se não for algo urgente, por favor, vá com calma. Nós não queremos que as pessoas parem de se conectar às redes sociais, mas estamos pedindo para ver se as pessoas podem enviar por outros meios", afirmou o porta-voz Mark Adams.

Além de alertar o público, a organização do evento também está trabalhando e estudando outras formas de solucionar o problema de comunicação.

Segundo a Reuters, as transmissões de dados da competição deste ano estão sendo feitas por empresas como BT, O2 e Vodafone, que afirmaram que não detectaram nenhum problema de transmissão de dados. A BT se pronunciou sobre o incidente e afirmou que criou um sistema de rede quatro vezes mais eficaz do que os existentes nos Jogos de Beijing, China, em 2008.

E para evitar mais problemas, a BBC, rede de televisão oficial dos Jogos, afirmou que está contendo o acesso às transmissões 'ao vivo' para smartphones e tablets.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.