Rovio nega participação de Angry Birds em métodos de espionagem da NSA

Por Redação | 29 de Janeiro de 2014 às 16h19

Novos documentos revelados por Edward Snowden afirmam que a NSA também realiza espionagem a partir de aplicativos móveis, entre eles, o consagrado jogo Angry Birds. Em resposta à afirmação, a produtora Rovio veio à público negar veementemente as acusações, afirmando que não participa de nenhum tipo de vigilância de seus usuários nem entrega informações sobre eles a terceiros.

Em comunicado, a empresa afirma que, se a espionagem realmente ocorre, ela se dá por meio dos serviços de anúncios, que estão disponíveis em milhares de aplicativos gratuitos encontrados na App Store e Google Play. Se esse for realmente o caso, a Rovio acredita que ninguém está imune a ter suas informações acessadas, uma vez que é praticamente impossível não se deparar com serviços que utilizem esse tipo de artifício para monetização.

Já o presidente da Rovio, Mikael Hed, afirmou que, se comprovado que os sistemas de anúncio estão colaborando com a espionagem da NSA, o uso desse tipo de ferramenta terá que ser revisto. Ele afirma que a garantia de que o usuário está seguro e tem suas informações mantidas em segredo é fundamental para a Rovio, que encara seus fãs como o aspecto de maior importância para a empresa.

Informações publicadas na terça-feira (28) dão conta que a NSA usaria um sistema parecido com o das empresas de publicidade direcionada para obter informações sobre perfis específicos de jogadores em plataformas mobile. Aplicativos que usam GPS também seriam usados para fins de espionagem a partir da obtenção de geolocalização e pontos de interesse do usuário.

Ataque direto

Spying Birds

As palavras, porém, não foram suficientes para aplacar a ira dos hackers, que invadiram o site oficial de Angry Birds e o descaracterizaram. Na imagem, os atacantes fizeram uma brincadeira com o nome do game, modificando-o para “Pássaros Espiões” e adicionando o logo da NSA à testa de um dos personagens principais.

A invasão foi confirmada pela Rovio, mas de acordo com a empresa, não comprometeu nenhuma informação confidencial. A página já foi restabelecida a seu estado normal.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.