Edward Snowden é indicado ao Prêmio Nobel da Paz

Por Redação | 16 de Julho de 2013 às 13h15

Edward Snowden, ex-funcionário da Agência Nacional de Segurança (NSA) dos Estados Unidos e responsável pelo vazamento de documentos do programa secreto de espionagem eletrônica PRISM, vive atualmente em uma sala no aeroporto de Sheremetyevo em Moscou, Rússia, e busca por asilo político. Mesmo com toda esta situação complicada, Snowden acaba de ser indicado para o Prêmio Nobel da Paz.

A indicação ao Nobel foi enviada nesta segunda-feira (15) pelo professor sueco Stefan Svallfor, por sua defesa "dos direitos da pessoa humana". Em carta pública, Svallfor explica a indicação afirmando que Edward Snowden fez um "esforço heroico" com "altos custos pessoais" para revelar a existência de sistemas de monitoramento e vigilância ilegais mantidos pelo governo norte-americano.

O professor afirma ainda que a atitude do ex-funcionário da NSA é fundamental para mostrar para outras pessoas que estão envolvidas em casos de abuso e descumprimento dos direitos humanos que elas podem e devem denunciar esses esquemas fraudulentos. Stefan Svallfor citou ainda o caso do julgamento de soldados nazistas em Nuremberg, Alemanha, em 1945, afirmando que o caso deixou claro que afirmar que "eu estava apenas cumprindo ordens" não isenta ninguém de culpa por atos contrários aos direitos humanos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O prazo final para o envio das indicações para a edição 2013 do Prêmio Nobel da Paz terminou em fevereiro. No entanto, Edward Snowden ainda pode ser considerado para a premiação do próximo ano, quando espera-se que ele já tenha encontrado uma nova residência fixa.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.