Pesquisadores descobrem asteroide que orbita Júpiter na contramão

Por Natalie Rosa | 23 de Maio de 2018 às 16h25
Reprodução

Cientistas decobriram um asteroide que orbita o gigante gasoso Júpiter, mas que percorre a direção contrária. Batizado de 2015 BZ509, o asteroide de 3 km de extensão segue em órbita na direção oposta desde que foi sugado pelo Sistema Solar, segundo os pesquisadores, momentos depois de sua formação, há 4,5 bilhões de anos.

A conclusão foi tomada por pesquisadores franceses e brasileiros em simulações extensas em computador, mostrando que o asteroide sempre esteve em órbita ao redor do Sol em sentido inverso. O caso chega meses depois da descoberta do asteroide Oumuamua, no ano passado, sendo considerado o nosso primeiro visitante interestelar.

Fathi Namouni, autor principal da pesquisa da Universidade de Côte d'Azur, na França, conta que o Oumuamua é de origem interestelar, mas é apenas um "turista que passa pelo nosso Sistema Solar", diferente do BZ509. Este "é um imigrante de boa fé e a noção de imigração é um tema em alta nos dias de hoje no mundo todo", diz.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Namouni conta ainda que é extremamente improvável que o BZ509 tenha surgido do mesmo sistema estelar do Oumuamua e que com a identificação de mais asteroides imigrantes, os cientistas poderão determinar suas composições e fazem comparações de elementos descobertos por lá com os já conhecidos aqui na Terra.

Helena Morais, pesquisadora da Unesp e coautora do estudo, diz estar surpresa com a descoberta e diz que "isso faz parte da diversão da ciência".

Fonte: Fox News, Royal Astronomic Society

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.