NASA crê que Boeing pode levar astronautas à ISS antes da SpaceX

Por Patrícia Gnipper | 12 de Julho de 2018 às 08h11
TUDO SOBRE

NASA

Muito tem se falado sobre as investidas de companhias privadas no que diz respeito às atividades espaciais. Boeing e SpaceX são as que vêm rivalizando mais intensamente umas com as outras nesse mercado e, agora, a NASA acredita que a Boeing esteja à frente da empresa de Elon Musk — ao menos quanto ao envio de astronautas à Estação Espacial Internacional (ISS).

Explicando: em 2014, as duas empresas receberam financiamentos para desenvolver espaçonaves que levariam astronautas à ISS. Desde então, ambas as companhias vêm lutando para se destacar, ajudando, ainda, a NASA a se libertar da dependência da Rússia para fazer lançamentos tripulados à ISS. Boeing e SpaceX estão correndo contra o tempo para ver quem será a primeira empresa privada a levar humanos à órbita da Terra.

Claro, a agência espacial norte-americana não declarou publicamente essa aparente preferência pela Boeing, mas um recente relatório do Governo dos EUA mostrou que ela, internamente, estima que a empresa completará um voo tripulado de testes, conseguindo a certificação para operar voos de verdade, entre maio de 2019 e agosto de 2020. Já a SpaceX, segundo tal documento, chegaria a este nível somente entre agosto de 2019 e novembro de 2020. Dessa maneira, a data média para a certificação da Boeing ficou para dezembro de 2019, enquanto a data média para a empresa espacial de Musk seria de janeiro de 2020.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Sim, é possível que a SpaceX dê aquela acelerada em suas operações para passar na frente da rival, mas o relatório também indica que a Boeing já está à frente no processo de apresentação de documentos necessários para tal aprovação.

Fonte: ARSTechnica

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.