NASA adiciona Tesla Roadster da SpaceX em seu registro de objetos celestiais

Por Redação | 09 de Fevereiro de 2018 às 14h56
photo_camera Reprodução: Tesla
TUDO SOBRE

Tesla

No lançamento inaugural do foguete Falcon Heavy, a SpaceX decidiu transportar nada menos do que um Tesla Roadster como carga, com destino à órbita de Marte, mas o carro vai acabar indo além do Planeta Vermelho. Dentro dele, fazendo as vezes de um astronauta, a companhia de Elon Musk decidiu usar um traje espacial Starman, mesmo nome de uma música de David Bowie (o que não é coincidência, já que tudo isso aconteceu usando Space Oddity, outra música dele, como trilha sonora). E, agora, a NASA acaba de incluir o Tesla Roadster com seu Starman em seu registro oficial de objetos celestiais (o NASA Horizons).

Ao acessar a página do projeto, já vemos detalhes sobre o carro da Tesla no espaço, como sua posição pelo Sistema Solar. O Horizons mostra todos os objetos que a NASA já descobriu em nosso quintal espacial, incluindo satélites enviados pelos humanos, além de objetos naturais, como os planetas, seus satélites, asteroides, cometas, etc.

Registro oficial da NASA incluindo o Tesla Roadster como objeto celestial (Reprodução: NASA)

E sobre o mais novo objeto espacial do Sistema Solar, algo que nem todo mundo reparou quando assistiu ao lançamento ao vivo, foi que Elon Musk posicionou um easter egg no console Tesla Roadster: uma miniatura do carro com um mini Starman em seu interior. E mais: a miniatura do Roadster funciona como um pendrive, contendo em sua memória uma cópia de Fundação, clássico da ficção científica escrito por Isaac Asimov.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Detalhe mostrando o mini Tesla Roadster no painel do carro de verdade (Reprodução: SpaceX)

Mas se você ainda acha tudo isso uma grande bobagem, talvez seja bacana conferir nossa explicação sobre o que é a Space X. e por que o lançamento do Falcon Heavy é tão importante para o futuro próximo da exploração espacial.

Fonte: Daily Mail

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.