Ingenuity voa pela 15ª vez em Marte e vai voltar ao local onde tudo começou

Ingenuity voa pela 15ª vez em Marte e vai voltar ao local onde tudo começou

Por Danielle Cassita | Editado por Patrícia Gnipper | 09 de Novembro de 2021 às 13h20
NASA

Neste fim de semana, o Ingenuity completou seu 15º voo em Marte. A nova aventura do pequeno helicóptero foi anunciada por oficiais do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL), da NASA, em uma publicação no Twitter. O voo foi o segundo realizado após a conjunção solar e durou pouco mais de 2 minutos, marcando também o começo da jornada de retorno do Ingenuity para o ponto de início de sua jornada

Segundo a NASA, o voo durou 128,8 segundos e o helicóptero aproveitou a oportunidade para fazer fotos de interesse científico, que serão processadas e analisadas em breve. Apesar de a publicação não trazer uma data exata em que o voo aconteceu, as fotos da missão mostram que o Ingenuity voou em Marte no último sábado (6). Este foi o segundo voo realizado durante o verão marciano para, assim, testar as condições durante o período.

De acordo com Teddy Tzanetos, líder da equipe do Ingenuity, o helicóptero foi planejado para se deslocar por aproximadamente 406 m na horizontal, viajando a 17,9 km/h, a 12 m acima do solo. O novo voo ocorreu após a conjunção solar, um período de aproximadamente duas semanas em que o Sol fica entre Marte e a Terra e, para evitar riscos de interferências que possam prejudicar a comunicação, os robôs no Planeta Vermelho ficaram temporariamente sem novos comandos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Esta foi a segunda vez que o Ingenuity voou girando seus rotores a 2.700 revoluções por minuto (RPM) — em comparação, os 13 primeiros voos ocorreram a 2.500 RPM. A mudança foi necessária em função da estação atual na cratera Jezero — como é verão por lá, o ar está menos denso do que estava antes. “Esse voo gerará alta performance de RPM, que a equipe irá usar para projetar e refinar futuros voos no ar de menor densidade”, explicou Tzanetos.

Agora, o Ingenuity começa a viagem de volta para a região chamada Wright Brothers Field, local onde realizou seu primeiro voo em abril deste ano. Ainda serão necessários entre quatro e sete voos para ele chegar lá, e a equipe segue planejando novidades de software para permitir novas capacidades de navegação ao longo do caminho. O rover Perseverance irá acompanhar o Ingenuity e, quando chegarem lá, os exploradores robóticos vão viajar na direção norte, ao lado leste da região de Sietah. Depois, eles devem seguir para o delta do antigo rio.


Fonte: Space.com, Mars Daily

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.