Brasileira tomará lugar em publicação científica que foi guiada por Carl Sagan

Por Redação | 01 de Fevereiro de 2018 às 18h15
Reprodução

A partir de hoje (1º), a Doutora Rosaly Lopes, nascida e criada em Ipanema, Rio de Janeiro, será a nova editora chefe do jornal de publicações científicas Icarus, assumindo o cargo ocupado por Phillip D. Nicholson há duas décadas.

Quem também já ocupou esse cargo, à época da fundação do periódico, em 1962, foi o ilustre Carl Sagan. Icarus, apontada como a publicação de artigos científicos na área de ciências planetárias de maior relevância acadêmica, será comandada por Rosaly pelos próximos três anos, com possibilidade de extensão por igual período.

Antes de ser escalada para o cargo de editora chefe, Dra. Rosaly Lopes foi chefe de Ciências Planetárias junto ao Laboratório de Propulsão a Jato da NASA. É a primeira vez que a publicação estará nas mãos de uma mulher, ou de uma pessoa que não tem o inglês como língua nativa.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Com currículo parrudo, a carioca se formou em Astronomia pela Universidade de Londres na turma de 1978 e se especializou em geologia planetária e vulcanologia em seus estudos de doutorado, em 1986. Ela também é integrante do Cassini Flight Project e escreveu mais de 120 publicações científicas. Aficcionada por vulcões, dedicou parte de sua carreira cheia de sucessos ao monitoramento de possíveis erupções, em especial junto ao Etna, na ilha italiana da Sicília. Com certeza representará muito bem as mulheres brasileiras junto à Icarus, como já vem representando nas ciências planetárias há anos.

Fonte: Planetary News

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.