Astronauta da Nasa bate recorde de dias vividos no espaço e retorna em segurança

Por Redação | 04 de Setembro de 2017 às 12h49

Peggy Whitson, a astronauta mais experiente dos Estados Unidos, voltou à Terra em segurança no sábado (2), dentro de uma cápsula Soyuz MS-04. Membro da equipe da Nasa que vivia na Estação Espacial Internacional (ISS), Whitson esteve no espaço por 665 dias e completou 4.623 órbitas ao redor da Terra.

O recorde foi batido pois a astronauta participou de três missões da Nasa na ISS (as Expeditions 50, 51 e 52), fazendo com que ela seja a astronauta norte-americana que viveu mais dias por lá, ganhando de Jeff Williams, que tem um total de 534 dias. Mas, o primeiro lugar mundial ainda está com o astronauta russo Fyodor Yurchikhin, comandante da Soyuz, que acumula 673 dias no espaço em um total de cinco missões.

Ao passar quase dois anos de sua vida fora da Terra, Whitson, uma bioquímica de 57 anos, também é a mulher que ficou mais tempo no espaço em uma única missão (288 dias), tendo servido como comandante em duas delas. Outra marca da astronauta é o fato de ela ter se tornado a primeira mulher a comandar uma missão espacial, o que aconteceu em 2008 com a Expedition 16.

O gráfico compara os dias vividos no espaço por astronautas da NASA, estando Peggy Whitson no primeiro lugar (Reprodução: NASA)

Na ISS, Whitson e seus colegas de missão realizaram centenas de experimentos em biologia, biotecnologia, física e outras modalidades, além de terem saído da plataforma seis vezes para realizar manutenções na Estação Espacial Internacional. Entre os experimentos científicos notáveis, a equipe estudou o impacto da microgravidade nos olhos dos astronautas e como células-tronco funcionam em um ambiente de gravidade praticamente nula.

Outras pesquisas realizadas pela astronauta no espaço incluem uma investigação sobre a ação de anticorpos no tratamento de câncer com drogas de quimioterapia, além de um estudo sobre a fisiologia de plantas e seu crescimento no espaço.

Agora, a Expedition 53, comandada pelo astronauta da Nasa Randy Bresnik, conta com astronautas da ESA (agência espacial europeia) e da Roscosmos (agência espacial russa) para operar a ISS por 10 dias, até que novos astronautas cheguem por lá. No dia 12 de setembro, novos três astronautas sairão da Terra rumo à ISS para completar a equipe e conduzir novos experimentos científicos para a humanidade.

Fonte: Universe Today

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.