Projeto envia gratuitamente trechos de livros pelo WhatsApp

Por Redação | 19 de Dezembro de 2015 às 14h00

Que tal aproveitar que o WhatsApp voltou a funcionar - após ter sido temporariamente bloqueado por uma decisão da justiça brasileira - e apoiar um projeto bacana que incentiva a leitura de obras brasileiras? Conheça o “Leitura de Bolso”, criado pela Agência Isobar Brasil.

Após avaliar os resultados de uma pesquisa realizada pela Federação do Comércio do Rio de Janeiro em 2014, que revelaram que 70% dos brasileiros não haviam lido nenhum livro durante todo aquele ano, o pessoal da agência teve a ideia de incentivar a leitura por meio do aplicativo de mensagens mais popular da atualidade: o WhatsApp.

Foi assim que surgiu o Leitura de Bolso, que envia diariamente gratuitamente trechos de livros de autores brasileiros cuja leitura não passa de cinco minutos. Dá para ler enquanto aguarda o ônibus chegar, ou durante o trajeto para a faculdade ou para o trabalho, ou ainda na sala de espera do consultório médico, por exemplo. Para começar a receber as “pílulas literárias”, basta o usuário se cadastrar no site do projeto, fornecendo seu número de telefone celular conectado ao aplicativo.

O projeto foi lançado em 25 de novembro e, em apenas uma semana de existência, já contabilizou mais de quatro mil inscritos, segundo a agência. Cada mês trará a obra de um escritor diferente, disponibilizando trechos diários acompanhados de ilustrações ou fotografias, e o primeiro autor a compartilhar seu material é o brasiliense Roberto Klotz, com a obra bem humorada Quase Pisei!.

Fonte: IDG Now!

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.