Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (25/07/2020)

Por Laísa Trojaike | 25 de Julho de 2020 às 19h00
Hammer

Esquece a pipoca. Pega aquele vinho barato, um pseudo-petisco e vem com a gente, porque a lista de melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online desta semana está cult. Para você assistir com cara de “like a sir”, aquele meme que já se tornou oldschool. Não sabemos quando o isolamento vai terminar, então fique em casa se puder, mas o sentimento de esperança já começa a surgir com as notícias sobre as vacinas e com o comércio sendo retomado, então talvez logo estejamos de volta às conversas filosóficas de bar e, para isso, as indicações que separamos são perfeitas.

Tem opções para todos os cults (ou apenas para pagar de cult, afinal, quem nunca?): clássico trash, terror novinho em folha, documentário brasileiro, clássico indispensável, filme de diretor sul-coreano, romance às avessas, direção contemplativa, crimes e até um romance natalino, já que estamos emendando o carnaval com o Natal.

Ficou curioso para saber que filmes e séries são esses? Então dá uma olhada nas nossas dicas do que assistir online neste final de semana. Para facilitar ainda mais a sua vida, o Canaltech sempre acrescenta trailer e uma pequena descrição de cada produção, além de incluir os links para os serviços em que elas estão disponíveis, assim o seu trabalho é basicamente apenas apertar o play. Veja quais te agradam, prepare a sala, reúna toda a família e divirta-se!

10. Little Voice

Categoria cult: Quase ninguém ouviu falar.

Little Voice é uma opção mais leve. A série de comédia dramática acompanha a Bess (Brittany O'Grady), que persegue seu sonho na música enquanto precisa lidar com as dificuldades do cotidiano. O tipo de narrativa que vamos em diversas obras, mas que nos comove com facilidade. E essa série está linda.

Produzida por J.J. Abrams (Lost), o que deixa a indicação mais cult, a série tem trilha sonora original de Sara Bareilles e é descrita como “uma história sobre encontrar a sua própria voz e ter coragem de usá-la”. Mensagens de esperança e luta são muito bem-vindas nesses tempos que estamos vivendo e é por isso que Little Voice pode ser uma ótima série para nos animar a correr atrás dos nossos sonhos (com máscara e álcool 70%).

Original Apple, a série tem cinco dos seus nove episódios da primeira temporada disponíveis para streaming no Apple TV+.

9. A Pequena Loja dos Horrores

Categoria Cult: Para dizer que o original é melhor

A Pequena Loja dos Horrores é há muito tempo um clássico cult do horror, mas agora a discussão ganha uma nova camada, já que está em pré-produção um remake estrelado por dois intérpretes de Vingadores: Scarlett Johansson e Chris Evans. Esse é o segundo remake. O primeiro remake aconteceu em 1986, com Rick Moranis, Steve Martin, Bill Murray, John Candy, Jim Belushi.

O original, no entanto, é de 1960, estrelado por um jovem Jack Nicholson. Na trama, um jovem desajeitado cuida de uma planta e descobre que ela é carnívora. Mas é uma simples dioneia, vulgo apanha-moscas? Claro que não. Nosso protagonista se verá forçado a matar humanos para alimentar a planta.

A Pequena Loja dos Horrores chegou aos streamings da NetMovies e do Looke, onde também pode ser comprado ou alugado.

8. Indianara

Categoria cult: Filme brasileiro premiado na França

Indianara é assunto sério. O documentário acompanha a luta revolucionária de Indianara pela sobrevivência de transexuais no Brasil. Já chegando ao 50 anos e precisando enfrentar os ataques do seu partido político, Indianara decide fazer um último ato de resistência.

Dirigido por Marcelo Barbosa e Aude Chevalier-Beaumel, o documentário foi indicado à Palma Queer no Festival de Cannes e venceu o grande prêmio do Chéries-Chéris, festival internacional anual de filmes LGBTQI+.

Indianara está no catálogo do Telecine e do Mubi, além de poder ser alugado ou comprado na Play Store, no Looke e no iTunes.

Leia também:

7. Lanester

Categoria cult: Série francesa

Com apenas três episódios, Lanester tem uma estrutura curiosa: o primeiro episódio foi lançado em 2014, o segundo, em 2016 e o terceiro, em 2018. E não é documental, é uma ficção de mistério e crime. Ficou ainda mais cult, não é? Além disso, parece que ainda não acabou e a qualquer momento um novo episódio pode surgir.

A série é uma adaptação dos trabalhos sobre o Commandant Lanester, um detetive dos romances policiais de Françoise Guérin. No primeiro episódio, três assassinatos estranhos, nos quais a vítima é eviscerada antes de ser organizada em uma exibição macabra. No segundo episódio, três adolescentes anoréxicas desapareceram da clínica onde eram pacientes. No terceiro episódio, o próprio Lanester testemunha uma morte violenta, seguida de um suicídio.

Lanester está disponível para todos os assinantes do Prime Video.

Leia também: 10 melhores séries de investigação criminal para maratonar na Netflix

6. Segredos de Sangue

Categoria cult: Consagrado diretor coreano fazendo filme em língua inglesa

Chan-wook Park ficou conhecido pela sua excelente Trilogia da Vingança: Mr. Vingança, Lady Vingança e Oldboy, sendo o terceiro o melhor de todos (e vale a pena assistir caso você goste de histórias loucas com finais surpreendentes).

Segredos de Sangue é uma coprodução Reino Unido e EUA, com Mia Wasikowska e Matthew Goode no elenco, mas o ponto mais forte é a atuação da maravilhosa Nicole Kidman, que é quem, junto à direção, consegue dar o tom perturbador do filme. Com imagens belíssimas, Segredos de Sangue é um filme para apreciar a história e a estética. Na trama, India Stoker (Wasikowska), que está enfrentando o luto após perder o pai em um acidente de carro, conhece o misterioso tio Charlie (Goode) e segredos de família começam a surgir quando ele começa a morar na casa de India e Evelyn (Kidman).

Segredos de Sangue está disponível para os streamers do Telecine, além de poder ser comprado ou alugado na Microsoft Store, na Play Store, no iTunes e no Looke.

5. Taxi Driver

Categoria cult: A crítica e a história disseram que é cult, a gente segue o bonde

Brincadeiras à parte, Taxi Driver é realmente um filme daqueles para colocar na lista para ver antes de morrer. Dirigido por Martin Scorsese, que continua fazendo grandes filmes até hoje, Taxi Driver traz uma das atuações mais icônicas da carreira de Robert De Niro e de brinde ainda vemos a jovem Jodie Foster encarnando uma prostituta menor de idade.

A Guerra do Vietnã terminou em 1975 e Taxi Driver, de 1976, mostra os reflexos desse evento histórico a nível pessoal, mas no sentido de entender como o pessoal pode afetar diretamente o social. Na trama, o ex-soldado Travis Bickle se torna taxista e, no seu cotidiano, ele mergulha na confusa vida noturna de Nova York, desenvolvendo pensamentos complexos e perigosos enquanto tenta ajudar uma jovem prostituta que vive uma realidade nada agradável.

Taxi Driver pode ser visto na Claro Video, além de estar disponível para aluguel e compra na Play Store e no iTunes.

Leia também:

4. Uma Segunda Chance para Amar

Categoria cult: Romance com atrizes que amamos e defenderemos a qualquer custo

Uma Segunda Chance Para Amar é daqueles romances natalinos que aquecem o coração. Uma jovem atrapalhada que não vive um bom momento e tem alguns problemas com a sua mãe, trabalha como elfo e não tem um bom relacionamento com sua chefe. Viver não é fácil, nós sabemos. Mas como é um romance, claro que a aparição de um par romântico trará esperança para a vida da jovem.

Para entender a categoria cult: a jovem é Emilia Clarke, de Game of Thrones, e mãe dela é a consagrada Emma Thompson. Acabou? Claro que não. O elenco ainda tem Michelle Yeoh, que interpreta Santa, a dona da loja de artigos de Natal, no primeiro papel cômico da sua carreira. E quem a convenceu a fazer isso? O diretor Paul Feig, de comédias como Caça-Fantasmas (2016), A Espiã Que Sabia de Menos, As Bem-Armadas e Missão Madrinha de Casamento.

Uma Segunda Chance Para Amar está no catalogo do Telecine, além de poder ser comprado ou alugado na Play Store, no iTunes e no Looke.

Leia também:

3. O Lagosta

Categoria cult: Diretor grego que amamos porque é estranho (e nem sabemos se entendemos)

Yorgos Lanthimos ficou mais conhecido após A Favorita ter ganhado um Oscar além de ter sido indicado em mais nove categorias. Antes disso, porém, ele fez outros filmes ainda mais estranhos.

O Lagosta é protagonizado por Colin Farrell, que está brilhante e muito engraçado no papel de um homem que precisa cumprir uma obrigação social: encontrar seu par romântico em um determinado tempo e, caso ele não encontre, será transformado em um animal. Sua escolha ao fazer o check-in no hotel que promove os encontros, claro, foi tornar-se uma lagosta, daí o título.

O elenco conta ainda com John C. Reilly, Léa Seydoux, Rachel Weisz e Ben Whishaw. Para conferir esse romance bizarro, basta acessar o GloboPlay. O título também está disponível para compra ou aluguel na Play Store, na Microsoft Store e no iTunes.

2. Uma Vida Oculta

Categoria cult: Filme novo de diretor que já adquiriu status cult. Ponto.

Terrence Malick chamou a atenção com o incrível filme de guerra Além da Linha Vermelha e depois deixou muita gente impressionada com a beleza de A Árvore da Vida, mesmo quem ficou sem saber muito bem o que estava acontecendo no filme. Sua produção mais recente, Uma Vida Oculta é um romance biográfico sobre Franz Jägerstätter, um austríaco condenado à morte e executado por se opor ao regime nazista, sendo posteriormente declarado mártir e beatificado pela Igreja Católica.

Franz Jägerstätter é interpretado por August Diehl, o frio e assustador Major Hellstrom, de Bastardos Inglórios, enquanto Valerie Pachner interpreta sua esposa, Fani Jägerstätter. O filme teve seu lançamento oficial em janeiro deste ano, o que faz dele uma estreia bastante fresca e ainda pouco vista, já que o filme não chegou a muitas salas de cinema do Brasil. Ah, e Terrence Malick foi indicado à Palma de Ouro, o prêmio de maior prestígio do Festival de Cannes de 2019, justamente por Uma Vida Oculta.

Uma Vida Oculta pode ser comprado no Looke, além de estar disponível para aluguel e compra na Play Store, na Microsoft Store e no iTunes.

Leia também:

1. O Chalé (The Lodge)

Categoria cult: Terror da clássica Hammer Films

Fãs de terror geralmente têm uma tremenda admiração pelos filmes da Hammer, que fizeram sucesso entre as décadas de 1950 e 1970. Mas, calma, não estamos indicando mais um clássico das antigas, porque essa vaga foi ocupada pelo nono colocado desta lista. A Hammer voltou discretamente em 2012, fazendo homenagem ao terror gótico com A Mulher de Preto, mas é com O Chalé que a produtora mostra que tem tudo para conquistar também o espectador contemporâneo que não está interessado na história do cinema de terror.

O Chalé é tão sóbrio, assustador e surpreendente que coloca a Hammer no hall de excelentes terrores como as produções Blumhouse e A24. O Chalé traz vários tipos de terror para dentro de um único filme, fazendo o espectador passar por subgêneros que têm temas como assassinos, cultos religiosos, crianças estranhas, paranormalidades e casas mal-assombradas. Para saber o que é, de fato, você vai precisar assistir até o final. A direção de O Chalé é outro motivo para assistir ao filme: Severin Fiala e Veronika Franz são os diretores de outro filme bastante perturbador, Boa Noite, Mamãe.

O Chalé chegou à Play Store e ao iTunes, onde pode ser comprado ou alugado.

Leia também:

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.