Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (13/06/2020)

Por Laísa Trojaike | 13 de Junho de 2020 às 19h00
warner bros.

Dia dos Namorados chegou em meio ao isolamento, então não podemos ficar recomendando filmes para ver agarradinhos, quando sabemos que muitos casais e famílias estão separados nesse momento difícil. O que não acabou foi o contato virtual, então, para não deixar todo mundo com vontade de sair correndo para dar um abraço, a nossa seleção semanal de melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online traz títulos para assistir juntos, mas à distância, e fazer o melhor que fazemos quando convidamos alguém para assistir algo: compartilhar experiências e conhecimentos.

A lista traz grandes lançamentos que estiveram recentemente nos cinemas e clássicos contemporâneos importantíssimos, e que dão muito material para horas de conversa. Tem opções para rir, para se assustar, para chorar, mas principalmente para refletir, mesmo que seja sobre o que deu errado com Cats.

Dê uma olhada nas nossas dicas do que assistir online neste final de semana. Para facilitar ainda mais a sua vida, o Canaltech sempre acrescenta trailer e uma pequena descrição de cada produção, além de incluir os links para os serviços em que elas estão disponíveis, assim o seu trabalho é basicamente apenas apertar o play. Veja quais te agradam, prepare a sala, reúna toda a família e divirta-se!

10. Cats

Sim, Cats. Nem sempre um filme divertido é necessariamente um filme bom, como podemos julgar pelo enorme número de fãs que têm filmes como Sharknado e The Room. Às vezes, a diversão está em justamente ver algo que deu tão errado que ficou cômico. E nossa lista de “melhores lançamentos” pode trazer também o melhor do pior.

Com um elenco com atores e cantores como Idris Elba, Rebel Wilson, Jennifer Hudson, Judi Dench, Ian McKellen, Jason Derulo e Taylor Swift, a hype com o musical era altíssima, até que o primeiro trailer foi divulgado. As promessas de que o filme ficaria melhor que o trailer também foram frustradas e Cats, consagrado na Broadway pelas mãos de Andrew Lloyd Webber, virou uma comédia involuntária. Vale lembrar, inclusive, que Seth Rogen aproveitou a quarentena justamente para fazer isso: assistir Cats (e comentar no Twitter).

Lançado no Natal de 2019 nos cinemas, a adaptação dos poemas de T.S. Eliot Cats agora está tentando a sorte na internet e está disponível para aluguel e compra na Play Store, no iTunes e na Looke.

Leia também: Crítica | Cats é um crossover com referência involuntária a The Room

9. 2 Broke Girls (Duas Garotas em Apuros)

Seis temporadas, 138 episódios. O isolamento é um excelente momento para maratonar aquela sitcom de sucesso que você queria muito ver, mas não tinha tempo. 2 Broke Girls (que chegou ao Brasil com o título Duas Garotas em Apuros) foi ao ar entre 2011 e 2017, sendo diversas vezes indicada ao Emmy.

2 Broke Girls não é a melhor das sitcoms, mas garante boas risadas com o elenco liderado por Kat Dennings e Beth Behrs, que interpretam duas garçonetes que parecem muito diferentes, mas acabam desenvolvendo uma amizade, além de terem um objetivo em comum: juntar dinheiro. A ideia do título em inglês, de que são duas meninas quebradas (sem dinheiro), unida à ambientação da série no Brooklyn, traz para o contexto não somente os problemas pessoais das personagens, mas diversas discussões sobre questões sociais.

Se você estiver com vontade de refletir com piadas inteligentes e um humor comprometido com a realidade, 2 Broke Girls acabou de ter todas as suas temporadas disponibilizadas para streaming na Globoplay.

8. Judy: Muito Além do Arco-Íris

Judy Garland foi uma das maiores estrelas da chamada “Era de Ouro” de Hollywood, tendo interpretado Dorothy em O Mágico de Oz (1939), seu papel mais conhecido até hoje. Na indústria desde muito cedo e tendo que encarar um sucesso estrondoso, Judy teve uma infância complicada e uma vida marcada pelas drogas.

O drama biográfico de Rupert Goold traz Renée Zellweger como Judy Garland em um interpretação arrebatadora e que lhe garantiu a estatueta do Oscar de Melhor Atriz na edição deste ano da premiação. Além disso, Judy: Muito Além do Arco-Íris também recebeu uma indicação na categoria de Melhor Cabelo e Maquiagem que, junto à direção de arte, são outros pontos fortes da produção.

Nesse filme podemos conhecer um pouco mais sobre a vida de um dos maiores nomes do cinema clássico, mas também refletir sobre as consequências da influência da indústria na vida dos seus trabalhadores, afinal, Hollywood não é feita apenas de glória. Judy: Muito Além do Arco-Íris está disponível para compra no Looke e para aluguel e compra no iTunes.

Leia também: Oscar 2020 | Parasita é o grande vencedor; veja todos os premiados

7. The Terror: Infamy (2ª temporada)

The Terror é uma série antológica, ou seja, uma coletânea de histórias que, neste caso, são contadas a cada temporada. Enquanto a primeira temporada acompanhou um grupo de exploradores polares da Marinha Real Inglesa presos em meio ao gelo, a segunda temporada mistura mistérios espirituais da cultura japonesa com um dos momentos mais tensos da história da humanidade, a Segunda Guerra Mundial.

A série é mais um esforço da AMC em criar outro sucesso de terror após The Walking Dead e, embora The Terror não tenha ganhado a popularidade da série de zumbis, tem recebido excelentes críticas, resultado do envolvimento de ótimos diretores e uma produção executiva de Ridley Scott, mais um nome de peso para a The Terror.

A segunda temporada, Infamy, mostra que a AMC não economizou na hora de recriar um ambiente de época e reúne diversos tipos de terror em uma única obra: tem espíritos, zumbis, máscaras bizarras, fotos assustadoras e, claro, o terror real da guerra. Os episódios da segunda temporada podem ser vistos de forma independente, pois não dependem dos eventos da primeira temporada, e estão disponíveis para os assinantes do Amazon Prime Video.

Leia também: Os 10 melhores filmes de terror para ver no Amazon Prime Video

6. Superman: Red Son

A pandemia não só fechou os cinemas para evitar aglomerações, mas também paralisou as produções e adiou o lançamento dos filmes de super-heróis mais aguardados. O gênero até ganhou mais espaço nas plataformas virtuais para tentar saciar os fãs, mas se você está afim de ver algo novo, por que não tentar o universo animado da DC?

Na semana passada, tivemos a indicação de Liga da Justiça Sombria: Guerra de Apokolips e, esta semana, a grande estreia das animações DC é Superman – Red Son, que, mesmo não sendo uma obra ideal, ainda supera as adaptações live-action dos quadrinhos da DC. Essa animação traz uma releitura da vida do Superman a partir de um quadrinho que imagina como seria se o bebê Kal-El tivesse caído em território soviético, lutando durante a Guerra Fria.

A animação traz importantes reflexões sobre como esses personagens dizem respeito ao sistema político de cada país e pode nos fazer olhar para os grandes blockbusters de uma forma diferente: Quem são os heróis? Quem são os vilões? E por que? Quem quiser ver a versão foice e martelo do Superman pode alugar ou comprar a animação na Play Store, na Microsoft Store ou no iTunes.

Leia também: Crítica | Animação Superman – Red Son tropeça, mas é melhor que os filmes da DC

5. Caçadora de Gigantes

A pouco comentada adaptação dos quadrinhos de Joe Kelly e Ken Niimura é uma história repleta de sensibilidade e com muitas camadas para explorar. É o tipo de filme que conquista aqueles que são ou foram crianças "estranhas", com interesses diferentes e que tentam encontrar seu lugar no mundo. Além disso, Caçadora de Gigantes é uma narrativa poderosa sobre imaginação e não economiza esforços para trazer monstros incríveis de CGI.

Caçadora de Gigantes é o primeiro longa-metragem de Anders Walter, que dirige a partir de um roteiro do próprio Joe Kelly, o que deixa os fãs dos quadrinhos um pouco mais tranquilos. A adaptação dividiu um pouco a crítica, mas as atuações de Madison Wolfe como Barbara, Zoe Saldana como Mrs. Mollé e Imogen Poots como Karen ajudam a fazer a experiência valer a pena.

Este é um filme para quem gosta de fantasia e que nos ajuda a lembrar que, desde o início dos tempos, o fantástico faz parte da nossa realidade de uma forma que muitas vezes nos recusamos a perceber. Para brincar um pouco com a infância que existe em cada um de nós, Caçadora de Gigantes pode ser assistido pelos assinantes do HBO Go ou pode ser alugado e comprado no iTunes.

Leia também:

4. A Caçada

Conhecido como Bacurau hollywoodiano, A Caçada chegou a ganhar um pôster só com trechos em que é “negativamente” criticado com frases como "Uma perturbação para o nosso país", "Não apropriado", "Perigoso", "Uma fantasia doente de assassinato" e "Glorificação da violência". Até mesmo Donald Trump tweetou sobre o filme, dizendo que ele foi feito para “incendiar e provocar caos”.

Toda essa polêmica é motivo suficiente para assistir A Caçada, mas temos mais. O filme foi escrito por Nick Cuse, das séries Watchmen, Maniac e The Leftlovers, e Damon Lindelof, de Lost, Além da Escuridão: Star Trek e Guerra Mundial Z. A equipe conta ainda com um elenco que tem três mulheres poderosíssimas: Emma Roberts, Hilary Swank e Betty Gilpin, com as duas últimas protagonizando uma cena de luta que é mais uma motivação para assistir ao filme.

Para ver quem sobrevive à caçada e para conferir se o filme faz jus a todos esses comentários, A Caçada está disponível somente para aluguel no iTunes e na Play Store.

3. Malcom X

A onda de protestos após o caso George Floyd nos EUA influenciou tanto o cinema que até o clássico …E o Vento Levou foi removido do catálogo da HBO Go. Nesse mesmo movimento, cresceu a procura pelos filmes de Spike Lee, que estreou ontem seu original Netflix Destacamento Blood, fazendo com que o premiado Malcom X fosse uma das principais estreias dessa semana.

Controverso e influente, Malcom X foi uma das maiores figuras da história dos EUA e do mundo. O drama biográfico de Spike Lee traz Denzel Washington no papel-título, com uma performance que lhe rendeu a indicação ao Oscar de Melhor Ator em 1993.

Geralmente posto ao lado de Martin Luther King, seja pelas semelhanças, seja pelas oposições, Malcom X deixou um legado complexo e que segue vivo. Para ver essa versão não-documental da sua vida, Malcom X está disponível para os streamers do Amazon Prime Video e do Mubi.

Leia também: 10 filmes importantes para refletir sobre racismo e Consciência Negra

2. Réquiem para um Sonho

Além de ser um grande filme, elogiadíssimo e que já garantiu seu espaço na história do cinema, Réquiem para um Sonho pode ser uma excelente experiência para aqueles que já viram ou querem ver o primeiro lugar desta lista: Coringa. Ao lado de O Rei da Comédia (1982), de Martin Scorsese, há muito da direção de Réquiem para um Sonho que pode ser visto em Coringa, sobretudo na relação da personagem Sara Goldfarb (Ellen Burstyn) com seu programa de TV favorito.

Dirigido por Darren Aronofsky, Réquiem para um Sonho é um filme muito intenso sobre o uso de drogas e levanta o questionamento sobre o uso de drogas lícitas também. O elenco conta ainda com Jared Leto, Jennifer Connelly e Marlon Wayans, todos entregando interpretações impecáveis. Esse é daqueles filmes que vemos e ficamos para sempre marcados por eles.

Cheio de cortes, o filme é frenético em alguns momentos e aproxima o espectador das intensas (e nem sempre boas) experiências de uso de drogas. Réquiem para um Sonho é um grande filme e um tremendo soco no estômago e, quem estiver disposto a esse tipo de experiência em isolamento, basta acessar o Amazon Prime Video ou o Telecine Play para conferir.

Leia também:

1. Coringa

Coringa quase dispensa indicações: um dos filmes mais comentados de 2019, memes para todos os lados, divulgação massiva, notas altíssimas, elogios e 11 indicações ao Oscar, levando para casa as estatuetas de Melhor Ator para Joaquin Phoenix e Melhor Trilha Sonora para Hildur Guðnadóttir.

O filme é uma abordagem mais realista do personagem e conquistou muitos fãs ao “diminuir” o papel de vilão do Coringa dando justificativas psicológicas e sociais para o personagem que conhecemos dos quadrinhos ou dos filmes Batman. Muito além do que uma premiação pode indicar, a interpretação de Joaquin Phoenix é quase inumana de tão incrível e conquistou até mesmo quem achou que era impossível haver um Coringa mais marcante que o de Heath Ledger.

Para ver pela primeira vez ou para assistir pela enésima vez, Coringa está disponível para aluguel e compra na Microsoft Store, na Play Store e no iTunes. No Looke, apenas para alguel, e na HBO Go para streaming.

Leia também:

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.