Netflix está oferecendo seus serviços para companhias aéreas

Por Redação | 26 de Setembro de 2017 às 12h39

Para a Netflix, não basta apenas ser a líder mundial do mercado de streaming, pois ela também quer expandir o alcance de sua plataforma às alturas. A companhia revelou estar oferecendo seus serviços para companhias aéreas, de forma a permitir que os passageiros continuem a assistir os filmes e séries que estão em seu catálogo mesmo durante o voo.

Trata-se, mais do que uma iniciativa para aumentar o engajamento dos assinantes. A ideia é reduzir os custos das próprias linhas aéreas com o uso da internet durante o voo. A Netflix afirma já observar números significativos de utilização de seus serviços por passageiros, principalmente, em viagens longas, e deseja melhorar o serviço para eles também.

A empresa enxerga a questão como matemática básica. Os serviços de Wi-Fi a bordo, normalmente, são pagos e não costumam ser baratos – o que faz com que os clientes sejam mais exigentes quanto a velocidade e estabilidade. Garantir que a internet funcione a dezenas de milhares de pés de altura é um desafio que se torna ainda mais complexo quando as pessoas estão realizando streaming.

Alguns aviões da Virgin já contam com Netflix como opção de entretenimento a bordo

A oferta da Netflix está relacionada a seus sistemas de compactação de fluxo de dados, que ela promete ser capaz de reduzir os gastos com banda em até 75%. Além disso, ela estaria disposta a dividir a conta da internet, também oferecendo acesso gratuito a seus assinantes durante o voo, algo que já existe, hoje, em alguns trechos operados por companhias como Qantas, Aeromexico e Virgin, nas quais não é preciso adquirir um pacote de acesso para usufruir do acervo de conteúdo.

Além, é claro, das benesses de sempre. Caso a Netflix se transforme no sistema de entretenimento padrão em linhas aéreas, a taxa de assinantes pode aumentar, afinal de contas, os passageiros podem desejar continuar assistindo House of Cards depois que chegarem em seus destinos – uma adesão que também poderá ser feita durante o voo.

Apesar de ter falado sobre o assunto abertamente durante um evento voltado para tecnologias para a indústria aérea, entretanto, a Netflix não comentou sobre possíveis acordos em andamento. A empresa disse, apenas, já estar em negociação com companhias aéreas para testes e futura implementação da tecnologia.

Fonte: Variety

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.