Netflix brinca com realidade virtual e lembra os tempos das locadoras

Por Redação | 25 de Maio de 2016 às 11h47

A simulação de uma sala de cinema em realidade virtual parece ser mesmo uma das ideias da Netflix para aproveitar o potencial de aparelhos dessa tecnologia. Entretanto, um experimento apresentado por funcionários da empresa juntou isso à nostalgia de se caminhar por uma locadora de filmes, algo que, para muita gente mais nova que está acostumada com a plataforma de streaming, nunca nem mesmo foi uma realidade.

O conceito se chama Netflix Zone e coloca o usuário dentro de uma locadora das antigas, ao melhor padrão americano. Os filmes, em fitas, ficam dispostos em prateleiras e podem ser manipulados pelos clientes. O time de desenvolvimento da ideia tomou o cuidado para que os VHSs tivessem um tamanho realista, de forma a passar, o máximo possível, a sensação de se estar mesmo dentro de uma loja do tipo.

Tudo muda, entretanto, quando se pega um título por um período de mais de alguns segundos. O cenário muda, as luzes se abaixam e o ambiente é tomado pela trilha sonora, imagens dos personagens e arte da opção escolhida, no caso da demonstração, a série Demolidor. Uma tela grande também desce do teto, e o “play” é dado, literalmente, jogando a fita nela.

O conceito utiliza os sensores de movimento de um Oculus Rift para dar a sensação de se estar dentro de uma locadora, e os controles próprios do dispositivo para que o usuário pegue as fitas e as manipule. Trata-se, claro, de uma ideia que aparece com gráficos em baixa definição e um resultado que não é esteticamente belo, mas mostra mais uma das desventuras da Netflix no mundo da realidade virtual.

Entretanto, como a empresa deixa claro, essa simulação pode nunca dar as caras como um serviço para os usuários, por mais que seja legal e divertida de ser usada. O Hack Day é uma data especial em que funcionários da Netflix podem deixar suas funções usuais e trabalharem em ideias de inovação ou formas diferentes de se utilizar o serviço. Nem sempre, porém, os conceitos apresentados acabam se tornando realidade.

Fonte: Netflix Open Source (YouTube)

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.