Netflix anuncia programa “ilimitado” de licença para pais de recém-nascidos

Por Redação | 05.08.2015 às 09:26

A semana não está sendo de boas notícias apenas para acionistas e executivos da Netflix. A empresa também anunciou um novo programa de licença para seus funcionários, que agora poderão tirar quantas folgas quiserem durante o primeiro ano de vida de seus filhos. A novidade vale para todos os funcionários globais da Netflix.

Anunciada por Tawni Cranz, diretora de talentos da empresa, a iniciativa não vai gerar descontos no salário e também prevê o remanejamento de horários de trabalho. Segundo ela, a ideia da Netflix é garantir que os pais tenham liberdade para contribuir com a empresa como acharem necessário, mas sem colocar o trabalho como prioridade em detrimento dos próprios filhos.

Mais do que isso, a iniciativa faz parte de uma ideia inspiradora da companhia, que acredita que pensar em seus funcionários é tão importante quanto garantir que eles também pensem no bem-estar da corporação. Os gerentes de pessoal estão habilitados a negociarem com os pais sobre as melhores condições para licença, considerando os interesses de ambos em prol de uma solução que privilegie a família.

É uma medida importante, principalmente em países sem leis trabalhistas sólidas, que, muitas vezes, acabam obrigando os pais que desejam dar mais atenção aos filhos a se demitirem. Como forma de manter seus talentos, a Netflix não quer que isso aconteça e por isso criou as novas regras de forma a manter seus funcionários satisfeitos e felizes.

É um movimento que está sendo reproduzido em outras empresas de tecnologia. Desde 2013, nomes como Facebook, Google e Yahoo! também modificaram suas normas internas relacionadas à licença maternidade e ao sistema de folgas, de forma a privilegiar um local de trabalho sadio e um bom equilíbrio entre as horas de expediente e de lazer de seus funcionários.

Fontes: Netflix, TechCrunch