NASA anuncia que todos os dados sobre Plutão finalmente chegaram à Terra

Por Redação | 28.10.2016 às 09:53 - atualizado em 28.10.2016 às 12:56

Pouco mais de um ano depois da sonda New Horizons chegar ao ponto mais próximo de Plutão e enviar as imagens mais nítidas e próximas da superfície do planeta anão à NASA, a agência espacial norte-americana finalmente tem em posse todos os dados coletados na aproximação feita pela sonda em julho de 2015.

O “percurso” dos 50 GB de dados foi feito a 1 kilobit por segundo e por isso demoraram 15 meses a chegar à Terra. É muito provável que a NASA, em breve, tenha novas imagens para mostrar destes novos dados agora recebidos, que poderão contar-nos ainda mais sobre as características de Plutão.

A missão New Horizons foi lançada em 2006 com a intenção de estudar Plutão e as suas luas, um objetivo há anos desejado e preparado pelos cientistas, mas que demorou a realizar-se, em grande parte por causa da complexidade e dos custos da missão.

Em outubro do ano passado, os cientistas por trás da missão publicaram na revista Science o primeiro relatório com a visão geral do que foi encontrado em Plutão. O documento deixou claro que o planeta e as suas luas são ainda mais fascinantes e misteriosas do que qualquer pessoa já imaginou.

Após concluir sua missão, agora a New Horizons se dirige para uma região chamada Cinturão de Kuiper, onde vai explorar a área em busca do asteroide 2014 MU69. A espaçonave só deve chegar até ele em janeiro de 2019. Depois, a sonda continuará sua viagem para além do Sistema Solar até 2030, quando seu combustível nuclear deve se esgotar por completo.

Fonte: Sapotek