PayPal quer oferecer seus serviços no espaço

Por Redação | 27 de Junho de 2013 às 11h46

Recentemente, o fundador da Space Tourism Society (STS) e arquiteto espacial, John Spencer, disse que tem planos ambiciosos para o turismo espacial, o que inclui corridas de buggy nas dunas da Lua, hotéis e iates de luxo. E, segundo Spencer, tudo deve acontecer em um "futuro não muito distante".

Mas como os viajantes espaciais pagariam uma bebida no bar do hotel de Spencer? O PayPal tem uma resposta. A empresa de tecnologia explicou ao CNET que está trabalhando com a STS, e também organizações como a NASA e 'Busca por Inteligência Extraterrestre' (SETI), para lançar uma iniciativa galáctica de transferência de dinheiro semelhante à que já conhecemos aqui na Terra. Spencer deve se reunir com o PayPal, NASA, SETI e o famoso astronauta Buzz Aldrin nesta quinta-feira (27) para iniciar uma discussão sobre seus ambiciosos projetos.

Leia também: Buzz Aldrin diz que Marte será povoado em até 30 anos

Mas o CEO do PayPal, David Marcus, disse que ainda é preciso estudar e discutir sobre a maneira como as pessoas vão fazer pagamentos no espaço. Atualmente, a NASA oferece uma equipe de pessoas para ajudar os astronautas a pagar suas contas e fazer compras enquanto estão fora do planeta Terra. "Existem, literalmente, milhares de pessoas que cuidam dos astronautas no solo", explica Marcus.

Apesar de os satélites que nos ajudam a fazer compras e pagamentos eletronicamente estarem no espaço, nada é tão simples quanto pensamos. As empresas ainda precisam desenvolver um processo e os governos precisam decidir sobre a regulamentação e que tipo de moeda será usada no espaço. Embora o turismo espacial ainda possa parecer algo distante, Marcus disse que a necessidade de pagar as coisas no espaço está se aproximando rapidamente.

O primeiro homem a viajar no espaço como turista foi Dennis Tito, que desembolsou US$ 20 milhões para realizar a viagem em 2001. Já o atual programa de inscrição para realizar voo espaciais com a 'Virgin Galactic' exige um depósito de apenas US$ 250. Uma redução realmente considerável no preço da cadeira na nave espacial, não? Angelina Jolie, Brad Pitt, Ashton Kutcher, Tom Hanks, Leonardo DiCaprio e Justin Bieber são alguns que já pagaram a taxa para estar entre os primeiros civis a chegar lá.

A empresa russa 'Orbital Technologies' também já anunciou que vai abrir um hotel espacial em 2016. "Daqui a três anos, você está no hotel espacial e quer comprar seu café da manhã. O governo vai regular essa compra?", questiona Marcus. Embora o executivo tenha dito que quer conversar sobre a possibilidade de serviços all-inclusive, é interessante para sua empresa que ele tome frente das discussões e seja visto como um pioneiro nessas "ares desconhecidos".

Saiba mais: Cantor Justin Bieber vai para o espaço, literalmente

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.