Bill Gates manda matar Steve Ballmer em episódio de South Park

Por Redação | 21 de Novembro de 2013 às 17h57

O céu é o limite para a criatividade dos produtores de South Park. Na semana passada eles satirizaram o fanatismo e rivalidade existente entre os fãs do Xbox One e PlayStation 4, dividindo a turma em duas e promovendo uma batalha emocional de ideias em torno do porquê de um console ser melhor que o outro.

Já no episódio desta semana, o oitavo da 17ª temporada da série, as vítimas foram o cofundador da Microsoft, Bill Gates, e o CEO em processo de aposentadoria da empresa, Steve Ballmer. Bill e Steve têm um relacionamento muito próximo e já são amigos há pelo menos 33 anos, desde quando Steve entrou para a Microsoft. O carinho entre os dois é tão grande que Gates chegou a se emocionar em discurso aos acionistas da empresa ao falar do amigo e seu afastamento do cargo de direção da corporação. O pessoal de South Park, no entanto, enxerga a coisa um "pouquinho" diferente. Com informações do The Verge.

Numa cena chocante, Bill Gates visita Steve Ballmer para "expulsá-lo" do cargo de chefia da empresa. O motivo é o motim que se criou no Colorado devido às discussões entre fãs do PlayStation 4 e Xbox One. Amistoso, Ballmer diz que tudo se resolverá a tempo do lançamento do Xbox One e que os motins, na verdade, fazem parte da livre concorrência, da competição. Indiferente, Gates diz que já houve um tempo em que Xbox e PlayStation poderiam competir, mas esse tempo acabou e só pode existir "um" console (em referência ao "One" do novo videogame da Microsoft).

Ballmer tenta apaziguar os ânimos, mas não conta com perspicácia de Gates, que já havia contratado um assassino profissional para lidar com o assunto. Ele aparece atrás de Ballmer e o perfura no coração com uma faca. Enquanto o amigo recebe o golpe, Gates diz que algumas coisas precisam mudar e que ele só fez besteiras desde que assumiu a empresa. E enquanto Ballmer agoniza no chão e luta para sobreviver, Bill simplesmente se senta e toma o seu vinho preferido.

Ao que tudo indica, o episódio de humor ácido é apenas o segundo de uma série de três que faz referência à Black Friday e, já que também contém referências à aclamada série Game of Thrones, à cultura geek.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.