Bill Gates recomenda: os sete livros que ele mais gostou em 2013

Por Redação | 16 de Dezembro de 2013 às 07h00
photo_camera Divulgação

Bill Gates já disse em várias entrevistas que a educação é uma peça-chave na luta contra a desigualdade e expansão de muitos serviços, como saneamento básico e internet. Nos últimos anos, o cofundador da Microsoft tem apoiado pesquisas que buscam soluções para problemas do nosso dia a dia, principalmente em países mais pobres, onde graves doenças, como a malária, atingem a população.

Com tantos objetivos humanitários, não é surpresa que um dos homens mais poderosos do planeta leia muitos e muitos livros. Para compartilhar parte de seu conhecimento com os usuários, Gates possui em seu blog pessoal uma seção dedicada exclusivamente a resenhas dos títulos que ele leu ao longo de sua vida e os motivos que fazem aquele livro importante para contribuir com a sociedade. Agora, o executivo elegeu uma lista das obras que mais o surpreenderam em 2013.

"Sempre quero saber mais sobre como o mundo funciona. E é através da leitura que eu aprendo melhor", diz Gates. O bilionário afirma que selecionou os livros levando em consideração o que eles ensinavam de algo que o executivo não sabia. "De modo geral, estes livros contam histórias incríveis da engenhosidade humana. É essa ingenuidade que ajuda a explicar por que o mundo está ficando cada vez melhor. Por isso, ao final de cada ano, sempre fico com esperança e otimismo para o próximo ano que está por vir", disse.

Os livros escolhidos por Gates são sobre não-ficção. Basicamente, as obras falam de temas com uma visão detalhada sobre o funcionamento de algum produto ou mecanismo do mundo moderno, como a criação dos contêineres, a origem do motor a vapor ou o debate ideológico que cerca as mudanças climáticas da Terra.

Veja abaixo a lista dos títulos favoritos de Bill Gates em 2013 (os que estão em português podem ser encontrados aqui no Brasil).

  • Título: A Caixa
  • Autor: Marc Levinson

O livro explica em detalhes como os contêineres foram criados e o impacto causado pela adoção dessa ferramenta na economia global, já que esse sistema foi capaz de cortar pela metade o custo do transporte de mercadorias entre países. O tema pode parecer monótono, mas Gates garante que a narrativa é boa e envolvente. Em 2006, "A Caixa" foi eleito um dos melhores livros de negócios pela Business Week e Financial Times.

  • Título: The most Powerful Idea in the World
  • Autor: William Rosen

Gates revela que seu interesse por motores a vapor começou em 2009, quando ele e o filho visitaram um museu de ciências em Londres. Em "A Ideia Mais Poderosa do Mundo", na tradução livre do título, William Rosen destaca os avanços tecnológicos que levaram à criação da máquina a vapor, além de traçar uma reflexão sobre o poder da criatividade e da colaboração humana no desenvolvimento de uma das invenções mais importantes do mundo.

  • Título: Harvesting the Biosphere
  • Autor: Vaclav Smil

Estudos comprovam que a utilização dos recursos naturais é muito maior do que o planeta pode suportar. Na obra "Colhendo a Biosfera", Vaclav Smil faz uma análise aprofundada sobre o impacto da humanidade e das colheitas feitas pelo homem no planeta, desde os tempos pré-históricos até agora. Para o autor, explorar a biosfera foi necessário para evoluir, mas que esse processo pode trazer graves consequências para as futuras gerações. "O livro é um pouco difícil. Tive que procurar vários termos que eu não conhecia, mas conta uma boa história crítica se você se preocupa com o impacto que estamos tendo no planeta", escreve Gates.

  • Título: O Mundo Até Ontem
  • Autor: Jared Diamond

Apesar de afirmar não ter gostado tanto quanto "Armas, Germes e Aço", livro mais famoso de Jared Diamond, Gates recomenda "O Mundo Até Ontem". A obra, vencedora do prêmio Pulitzer de jornalismo, investiga os hábitos de sociedades tradicionais e como essas comunidades podem influenciar no estilo de vida moderno em grandes cidades. Gates diz que o autor não quer fazer um belo discurso sobre a vida tribal, mas apenas encontrar as melhores práticas dessas tribos e compartilhá-las.

  • Título: Poor Numbers
  • Autor: Morten Jerven

No livro de economia "Números Pobres", Morten Jerven fala sobre como nações africanas trabalham com estatísticas e indicadores sociais para calcular suas estimativas do PIB (Produto Interno Bruto). "Ele [Jerven] levanta um forte argumento que muitas das medidas de PIB que pensávamos ser precisas estão longe disso", escreve Gates.

  • Título: Why Does College Cost So Much?
  • Autores: Robert B. Archibald e David H. Feldman

Um problema que parece atingir não só os Estados Unidos, mas também outros países, incluindo o Brasil: por que as faculdades custam tão caro? Para explicar os preços cada vez mais altos de um diploma nas universidades norte-americanas, a dupla de autores recorre a fatos históricos da economia local. "Eles [os autores] são bons em não apontar o dedo, e sim falar sobre como o mercado de trabalho americano influencia no preço da faculdade", diz Gates.

  • Título: The Bet
  • Autor: Paul Sabin

"The Bet" (A Aposta, na tradução livre) explica o debate público em 1980 entre Paul Ehrlich e Julian Simon com base na teoria de que o mundo está a caminho de uma catástrofe natural. Os dois tinham opiniões diferentes e fizeram uma aposta de US$ 1.000: enquanto Ehrlich apostou em um futuro promissor para a humanidade, Simon acreditava que o aumento das populações iria esgotar os recursos do planeta. "Sabin mostra como o ponto de vista extremo de Ehrlich e Simon contribuíram para o debate polarizado sobre as mudanças climáticas e outras questões que continuam até hoje", escreve Gates.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.