Sony faz coletiva para LATAM mas ainda não revela o preço do PS4 para a região

Por Felipe Santana Felix | 12.06.2013 às 10:27 - atualizado em 13.06.2013 às 03:38
photo_camera Felipe Felix

* Da E3 em Los Angeles, EUA

Ao término do primeiro dia de E3, a Sony realizou uma conferência voltada apenas para o mercado latino-americano. O evento contou com a presença de inúmeros veículos de todos os países da região e foi conduzido pelo sempre polido e tranquilo Mark Stanley, VP LATAM da empresa.

Sem nenhum atraso, a Sony iniciou o evento falando sobre os 10 milhões de games ja vendidos na América Latina e a marca de um milhão de unidades de PS3 comercializadas em 2012.

Como em toda conferência voltada para nossa região, o executivo também mergulhou no assunto dos jogos que terão localização para PT-BR, como GTA V e Assassin's Creed Black Flag; além disso, bundles especiais de Beyond Two Souls e GTA foram anunciados em conjunto com a linha de jogos da coleção "favoritos".

A escolha dos títulos dessa iniciativa da Sony foi baseada no perfil dos jogadores latino-americanos e todos seus jogos terão o valor de R$ 79. Estão entre eles Grand Turismo 5, Uncharted e inFAMOUS 2. Os compradores podem diferenciar os games inclusos nos “Favoritos" pela embalagem dourada.

Dentre estes primeiros anúncios, a única novidade foi esta linha com preços mais acessíveis. A localização dos títulos citados já havia sido anunciada na última coletiva da empresa no Brasil, a mesma que anunciou a manufatura do PS3 em nosso país. Parece que anúncios de localização para o PT-BR vem sendo utilizados como ouro de tolo pela empresa, que acabou deixando de lado o comunicado mais importante da noite para os consumidores: o valor de venda de seu novo console no Brasil.

Após a revelação da Microsoft sobre o valor de seu console em nosso pais, R$ 2.199, um anúncio da japonesa abordando o mesmo item de mercado seria extremamente natural e adequado, porém, o apresentado no JW Marriot para imprensa latina não passou de um discurso de amor repetido. Dessa forma, a única coisa que nós, latino-americanos, podemos fazer é esperar o anúncio sobre o valor comercial do novo PlayStation e, quem sabe, dizer um sim a esta nova relação.