São Paulo possui o maior risco na entrega dos Correios no Brasil

Por Redação | 17 de Março de 2017 às 13h20

Para quem faz compras online, taí uma informação interessante. Uma pesquisa feita junto à Companhia de Correios e Telégrafos no Brasil e divulgada esta semana aponta que São Paulo é o estado que possui a maior incidência de risco na entrega por CEP, com 52%.

O levantamento foi relizado pela Unitfour, empresa especializada em fornecimento de dados. Rio de Janeiro e Minas gerais aparecem logo na sequência, com 23% e 12%, respectivamente.

O risco de CEP não quer dizer, necessariamente, que o produto não será entregue, avalia Rafael Albuquerque, Diretor Comercial da Unitfour. "Mas há sim uma possibilidade de a entrega não acontecer, seja por conta de áreas de difícil acesso, dentre outras razões”, explica.

A pesquisa mostrou ainda que na categoria Sedex, o Estado que apresenta maior incidência é o Paraná, com 40%, seguido por Rio de Janeiro, que registrou 31%. Em São Paulo, essa incidência é de 29% O PAC é outro serviço postal que também possui alto índice de risco nos os Estados – 40% no PR, 30% no RJ e 29%, em SP.

Por outro lado, a Remessa Expressa, Talão ou Cartão, PAC e Sedex em que o pagamento é realizado no momento da entrega, são modalidades com o menor índice de risco, todas com 6%.

“Muitas vezes, os serviços postais têm dificuldades para identificar as reais condições para a entrega dos objetos, e principalmente, mapear as regiões de difícil acesso ou desprovidas de segurança”, conclui Albuquerque.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.