Mesmo com crise, comércio eletrônico registra crescimento no 1º tri

Por Redação | 23 de Maio de 2016 às 19h24
photo_camera Divulgação

O e-commerce brasileiro registrou um excelente número no primeiro trimestre do ano. Apesar da crise econômica que afeta o país, o comércio eletrônico do Brasil conseguiu faturar R$ 9,75 bilhões nos três primeiros meses de 2016. Segundo a E-Bit/Buscapé, o valor representa 1% a mais do que registrado no mesmo período do ano passado. Mesmo com o bom número, o volume total de vendas caiu 6% na comparação com 2015, registrando 24,45 milhões de pedidos.

O tíquete médio atingiu um crescimento de 7%, o que explica o aumento do faturamento. De acordo com os dados levantados, em 2015 o tíquete médio era de R$ 373, enquanto neste ano chegou a R$ 399. Outros fator que também teve influência positiva no setor foi o número de lojas abertas online. Neste quesito houve um aumento de 89%.

A expectativa é que 2016 consiga manter um bom ritmo de crescimento. De acordo com o diretor executivo da E-bit/Buscapé, André Ricardo Dias, "o mercado deverá continuar com o crescimento neste ano". O crescimento esperado é de 8%, "motivado pelo aumento das vendas via dispositivos móveis".

Via IP News

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!