Brasileiro compra celular em site conceituado e recebe saco de areia

Por Redação | 11 de Junho de 2016 às 23h00
photo_camera http://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2016/06/consumidor-di

Nem sempre as surpresas são boas... Um grande exemplo foi o que aconteceu com Eliel Soares, um consumidor que aguardava uma coisa e veio outra bem diferente. A compra, feita no dia 24 de abril, através do site da rede de hipermercados Walmart, era de um celular (no valor aproximado de R$ 1.200), e, no lugar do aparelho, ele recebeu um saco cheio de areia.

O auxiliar técnico vivenciou esta situação inesperada na quarta-feira (8), quando recebeu a embalagem do produto. Durante esta entrevista, Soares contou que apenas a embalagem externa estava lacrada, mas a caixa onde deveria estar o aparelho celular não estava. "Você fica na expectativa. Comprei porque estou precisando [do aparelho], e quando a gente chega em casa e abre o pacote, encontra uma surpresa, uma decepção", relata Eliel.

Casos como esse não são tão difíceis de acontecer e são frequência no Procon estadual – só neste ano já foram 753 reclamações referentes a compras feitas pela internet. E, em 2015, o número foi 1.071. Nessas situações, o advogado de Eliseu Soares informou que o consumidor que se sentir lesado deve registrar um boletim de ocorrência, já que tem o direito assegurado pelo Código de Defesa do Consumidor e, assim, ser ressarcido. "Terá direito também a optar por outro aparelho ou um similar, a seu critério, e terá direito de entrar com uma ação por perdas e danos, que seriam danos morais. É a única forma que temos de efetivar o direito do consumidor é punindo os culpados”, completa o advogado.

No caso do técnico que não recebeu o celular, ele alegou ter entrado em contato com uma funcionária do site onde a compra foi feita: “Narrei para ela o que tinha me acontecido, e eles ficaram de me mandar outro celular”. A assessoria de comunicação do site da grande rede de hipermercados foi procurada pela reportagem do G1, e disse que até segunda-feira (13) daria uma resposta sobre o caso.

Fonte G1

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.