Varejistas investem em e-commerce para vender em dispositivos móveis

Por Colaborador externo | 18 de Novembro de 2014 às 09h05
photo_camera Divulgação

Os grandes varejistas com operações no Brasil chegam a investir até R$ 2 milhões em mudanças e customização de plataformas de e-commerce para ampliar seus negócios na Internet e aumentar a taxa de conversão, sobretudo para abocanhar o crescente número de consumidores que acessam e realizam compras via dispositivos móveis.

De acordo com Vinícius Pessin, CEO da e-Smart, empresa especializada em implantação de plataformas de e-commerce, disponibilizar soluções de e-commerce mobile não são mais um diferencial e sim pré-requisito para companhias que pretendem obter sucesso no comércio eletrônico.

“O Brasil terá 246 milhões de celulares em 2015, o equivalente a 1,2 aparelho por habitante. Desse total, 58 milhões – cerca de um quarto do total – serão smartphones. Já o número de tablets vai chegar a 5,7 milhões de unidades em 2015. Lojas Virtuais que não estiverem preparadas perderão esse filão”, ressalta Pessin.

Uma plataforma de e-commerce mobile deve proporcionar uma experiência agradável para quem navega em smartphones e tablets, sem sacrificar os principais recursos e integrações que o e-commerce "desktop" possui. Segundo dados da consultoria Conversion, um em cada cinco visitantes do comércio eletrônico já utiliza celulares e tablets.

A integração transparente com sistemas de busca, recomendação inteligente de produtos e checkout são fundamentais para o sucesso de uma plataforma mobile. Outro diferencial que os varejistas buscam neste tipo de solução é a possibilidade de criar promoções, banners e conteúdos específicos para quem acessa a loja virtual por dispositivos móveis.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.