Business Plan: O primeiro passo para ingressar no e-commerce

Por Colaborador externo | 09 de Outubro de 2013 às 10h25

Por Vinicius Pessin*

Será que uma empresa de comércio eletrônico precisa de um plano de negócios?

Sim, todo negócio precisa de um plano e o e-commerce não seria diferente. E aqui não nos referimos apenas ao plano de financiamento da operação, e sim ao Business Plan , que vai ajudá-lo a projetar onde sua loja virtual pode chegar e fornecer um mapa para alcançar esse objetivo. Em uma indústria que muda tão rapidamente, um plano de negócios pode auxiliar a empresa de comércio eletronico a responder e se adaptar às novas condições de mercado.

O plano de negócio também é o primeiro passo para você conseguir o financiamento para sua Loja Virtual. Para um investidor aplicar em seu negócio, precisa da certeza de que você tem um plano para chegar ao lucro. Além disso, também auxilia a definir a verba que vai precisar. Custos imprevistos podem afundar o negócio, por isso é importante planejar corretamente até alcançar o equilíbrio entre receitas e despesas.

Um bom plano exige pesquisas de mercado para determinar se realmente existe a oportunidade de negócio. Procure sempre nicho e diferenciação. Outro passo importante é a realização de uma análise SWOT (forças, fraquezas, oportunidades e ameaças) para observar o quadro geral da indústria que você pretende ingressar.

O plano de negócio também serve para definir as prioridades. Um Business Plan bem escrito deve fornecer orientações operacionais para o dia-a-dia. É fácil nos distrairmos com detalhes cotidianos ou emergências e perdermos o foco. Um plano não deve ficar pronto na gaveta. É preciso revisá-lo constantemente para verificar se o caminho planejado está sendo trilhado, ou se o mapa precisa ser refeito.

Estabeleça metas de longo prazo. O plano deve descrever claramente onde você pretende estar em três, cinco e dez anos.

Analise profundamente seus concorrentes e de que forma você pode se diferenciar. Defina o mercado alvo, pois quando a intenção é de atender a todos, há um risco de não atender a ninguém direito.

Descreva como vai promover o seu e-commerce e quanto dinheiro você vai precisar. Leia Comércio Eletrônico: a propaganda continua a ser a alma do negócio.

Terminado o plano, compartilhe as informações com pessoas da sua confiança e que tenham experiência para criticá-lo. Ter uma visão alternativa sobre uma ideia é sempre enriquecedor.

Congratulações. Você está pronto para tomar a decisão mais importante e mais difícil: colocar o plano em prática.

*Vinicius Pessin é CEO da e-Smart, empresa provedora de soluções para e-commerce que reúne as melhores experiências de usabilidade, intuitividade e design.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.