Drone teria causado acidente com helicóptero nos EUA

Por Felipe Demartini | 19 de Fevereiro de 2018 às 11h22
Divulgação

No que pode ser o primeiro acidente oficial causado por um drone, um helicóptero caiu após a realização de manobras evasivas para desviar de um equipamento do tipo. O caso aconteceu na última semana, no estado americano da Carolina do Sul, e envolveu uma aeronave Robinson R22, normalmente utilizada para treinamentos, e um quadricóptero DJI Phantom.

O helicóptero estava sendo usado, justamente, para fins de instrução, com um aluno de aviação treinando procedimentos de táxi sobre o solo em um centro de treinamento em Daniel Island, uma ilha no sul do estado. Durante as manobras, seu instrutor teria visto um drone se aproximando em alta velocidade e assumiu os comandos, realizando uma forte curva na tentativa de desviar do equipamento.

Durante o processo, porém, o rotor traseiro do helicóptero atingiu uma árvore, o que fez com que o piloto perdesse temporariamente o controle sobre o veículo. Ele conseguiu levar a aeronave com segurança até o chão, mas ela acabou caindo de lado no processo. Nenhum dos dois ocupantes, entretanto, ficou ferido.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Com a passagem do final de semana e a coleta dos depoimentos dos envolvidos, a Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) anunciou a abertura de uma investigação. Se confirmadas as causas citadas pelos pilotos, este pode ser o primeiro acidente aéreo causado por um drone na história.

A FAA, entretanto, evitou entrar nesse tipo de questão. As investigações foram anunciadas em uma carta aberta assinada não apenas pela agência e pelo Conselho Nacional de Segurança de Transportes, outro órgão do governo americano, mas também pela DJI, fabricante do drone, que disse estar cooperando com as autoridades.

No texto, as três afirmam que a popularização dos drones também está aumentando os riscos de acidentes desse tipo, o que levou ao trabalho conjunto entre as entidades. Além disso, o incidente vem como uma má notícia para os apoiadores da categoria, uma vez que pode acabar servindo como ponto de partida para legislações mais rígidas quanto ao uso de drones por civis, derrubando as alegações de muitas instituições e fabricantes que afirmam que seus equipamentos não constituem riscos para aeronaves.

A identidade do controlador do drone envolvido no acidente não foi revelada, assim como as do instrutor e estudante que estavam à bordo do helicóptero. O relato deles também não teria sido confirmado diretamente, mas é a partir dele que as agências conduzirão as investigações.

Fonte: The Register, BBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.