Drone que sobrevoava palácio do presidente da França é derrubado por autoridades

Por Natalie Rosa | 10 de Agosto de 2018 às 17h10
Reprodução

O serviço secreto francês derrubou um drone que circulava sobre o Fort de Brégançon, onde fica localizado o palácio presidencial, local em que o presidente do país, atualmente Emmanuel Macron, passa a temporada de verão.

O veículo aéreo parece ter sido atingido por um jammer, dispositivo equipado com um transmissor de rádio capaz de gerar frequências de várias bandas. Com isso, os receptores dos drones ficam saturados e não são capazes de interpretar instruções de quem o está controlando.

O objeto acabou caindo ao mar e a cidade de Toulon abriu uma investigação sobre o assunto, enviando mergulhadores para encontrar os destroços para obter mais pistas.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Há a possibilidade de que o drone estava sendo controlado apenas por um curioso, mas com o histórico de atentados terroristas que já aconteceram na França, as autoridades francesas preferem ficar atentas a qualquer suspeita.

Um fato que aconteceu no último fim de semana também justifica o cuidado. Na Venezuela, durante um discurso do presidente Nicolás Maduro, dois drones se explodiram no local, possivelmente com a intenção de atingir o presidente.

Se esta tática de ataques às autoridades se tornar uma tendência, será preciso reforçar a regulamentação em relação aos voos de drones, além de tomar o dobro de cuidado.

Fonte: Endgaget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.