DJI anuncia lançamento do Mavic Air no Brasil para março

Por Felipe Demartini | 02 de Março de 2018 às 12h04

O DJI Mavic Air também vai chegar em março, oficialmente, ao Brasil. O foi o anúncio feito pela fabricante em evento realizado em São Paulo nesta sexta-feira (02). Ela também confirmou os preços da versão mais leve e compacta de um de seus principais produtos. Com foco na estabilidade e qualidade nas gravações de vídeo, o modelo básico do equipamento será lançado no Brasil por R$ 4.199, enquanto a versão Fly More, que acompanha baterias e hélices extras, além de uma base para recarregamento, custará R$ 5.199.

Dobrável e com foco na usabilidade, o Mavic Air é visto por muitos entusiastas como uma espécie de mistura entre os antecessores Mavic Pro e Spark. Do segundo, vem a semelhança em termos de design e construção, apesar das linhas mais arrojadas e tamanho compacto do lançamento. Já do primeiro, o modelo herda o melhor controle e a qualidade de gravação, sendo capaz de gerar imagens em resolução 4K.

A estabilidade é garantida por um sistema de assistência de voo chamado FlightAutonomy 2.0, que trabalha ao lado de recursos da câmera para garantir a melhor qualidade das imagens. Os braços e eixos amortecedores também garantem que o dispositivo trepide menos enquanto estiver no ar, o que facilita tanto o controle quanto as gravações.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Por meio de seus sensores e câmeras infravermelhas, o drone é capaz de mapear o ambiente ao seu redor de forma tridimensional, detectando obstáculos e tomando medidas para evitá-los automaticamente. A autonomia é de 21 minutos de voo e gravação contínuos.

"Dobrado", DJI Mavic Air fica com tamanho pouco maior que um smartphone (Foto: Divulgação/DJI)

O design é o segundo grande destaque. A DJI aponta que o Mavic Air, quando dobrado, fica pouco maior que um smartphone. Com 430 gramas, o aparelho tem espaços em sua estrutura para armazenamento de hélices e braços, que ficam de maneira extremamente rente ao restante do dispositivo e garante facilidade na hora de carregá-lo por aí, sem dificultar a preparação na hora do uso. O mesmo vale para o controle, que também pode ser desmontado.

Outros recursos podem tornar o Mavic Air interessante para quem não é profissional. Existe, por exemplo, a possibilidade de criar um panorama em 360 graus a partir de imagens produzidas automaticamente pelo drone, ou então criar um caminho de voo que é seguido automaticamente pelo aparelho, permitindo um planejamento das imagens a serem capturadas e foco maior no resultado final.

O DJI Mavic Pro ainda conta com suporte a tecnologia HDR e possibilidade de gravação de imagens em câmera lenta, a até 120 quadros por segundo, com resolução 1080p. O espaço de armazenamento interno é de 8 GB e o aparelho também é o primeiro da fabricante a oferecer suporte a cartões microSD.

Disponível em três cores – preta, vermelha e branca – o drone foi lançado nos EUA em 28 de janeiro. A promessa da DJI é que, no Brasil, as vendas comecem até o final deste mês.

Foto: Alexsander Pena / Canaltech

Fonte: DJI

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.