Tutorial: como parear um Android Wear com seu iPhone

Por Muni Perez RSS

Android Wear com iPhone

Apesar de não ter sido recebido com tanto glamour como o Apple Watch, a plataforma do Google para dispositivos vestíveis já está em circulação há um bom tempo e oferece muitos recursos bacanas que complementam a experiência de uso do smartphone.

Até pouco tempo, os relógios eram compatíveis apenas com aparelhos Android, mas agora já podem ser pareados com iOS. O momento para a chegada desta funcionalidade é bem oportuno, já que as vendas de smartwatches com a plataforma andam bem fracas e a Apple tem vendido smartphones como nunca. Não são todos que gostam do Apple Watch ou não estão dispostos a pagar o alto preço, sendo que existem ótimas opções mais em conta com o sistema do Google.

No lançamento do recurso, em setembro, apenas o LG Watch Urban era compatível com a novidade. No entanto, em testes práticos, descobrimos que ele também funciona com o Moto 360 e o Sony Smartwatch 3. E se você tem um iPhone 6 ou 6 Plus, veja como funciona o pareamento com a plataforma do Google para relógios inteligentes.

Requisitos

Antes de tudo, é necessário que seu relógio esteja atualizado para o Android Wear 1.3. Para verificar a versão atual, vá em Configurações > Sobre (no final da lista) e toque no item "Versões". O iPhone também deve estar atualizado e rodando pelo menos o iOS 8.2 - ou seja, o Android Wear é compatível apenas com os modelos iPhone 5 / 5S / 5C e iPhone 6/6 Plus.

Caso a versão do sistema no smartwatch seja inferior à 1.3, você precisará fazer a atualização utilizando um smartphone Android.

Preparando seu iPhone

A única coisa que você precisa fazer no iPhone é instalar o aplicativo Android Wear disponível na App Store, Clique aqui para fazer o download.

Preparando o Android Wear

Para realizar um novo pareamento você deve ir em Configurações > Redefinir dispositivo e confirmar a ação. Após alguns segundos, o mesmo irá reiniciar e exibir algumas animações na tela. Ao término do processo, você verá uma tela indicando "Swipe to begin", como na imagem abaixo, que te levará para a seleção do idioma.

Android Wear com iPhone redefinir configurações Android Wear com iPhone Iniciar pareamento

Como medida de segurança, é necessário que o dispositivo esteja conectado em uma fonte de energia para realizar o pareamento. Após conecta-lo com o cabo Micro-USB, é hora de parear. Deslize o dedo 3 vezes para a esquerda no relógio até ver a tela com o texto "No app, toque neste código de relógio". Então abra o aplicativo no iPhone e toque no nome que deve aparecer. Em seguida, o Smartwatch vai exibir uma senha numérica e você deve inseri-la no aplicativo no iPhone.

Caso o relógio não esteja aparecendo na lista do seu iPhone, certifique-se de que o Bluetooth está ligado.

Android Wear com iPhone Pareando

Colocada a senha, os aparelhos trocarão informações, e em poucos minutos tudo já estará configurado. No final do processo, você verá a informação de "Pareado" em ambas as telas. Antes de estar pronto para uso, o smartwatch pode fazer o download de alguma atualização, então basta ter paciência. Ao término de tudo, você verá os cards do Google Now e algumas dicas de uso do sistema.

Android Wear com iPhone Pareando Android Wear com iPhone Pareado

O que pode ser feito

Apesar de ser uma novidade bacana, na verdade você não vai conseguir fazer muita coisa principalmente por causa das limitações do iOS. A interação é bem limitada e basicamente só se tem acesso às notificações que são espelhadas do iPhone. Com isso, é possível visualizar mensagens recebidas no WhatsApp e no Messenger, e-mails, notificações do Facebook, eventos do calendário, entre outras opções, mas apenas nos apps nativos do sistema é que está disponível alguma interação.

Android Wear com iPhone Notificação WhatsApp

O Google Now está disponível e teoricamente deveria servir de alguma ajuda. No entanto, nos nossos testes, ele não realiza nenhuma ação, e tudo o que é falado ele interpreta como uma pesquisa no Google, cujos resultados são abertos no aplicativo do iPhone na forma de um navegador embutido.

O fato de ele ter limitações é bem compreensível. Primeiro, esta é uma versão inicial do app para iPhone. Segundo, o Google depende da Apple para colocar aplicativos na App Store, então resta saber como que isso vai funcionar. O app do iPhone possui uma espécie de "mini loja" para faces de relógio, então é possível que aplicativos para o Wear sejam disponibilizados ali no futuro.

Android Wear com iPhone Loja de Faces Android Wear com iPhone Instalar face

Devo comprar um Android Wear?

Com toda certeza, ainda não. Nos próximos meses, serão lançados vários modelos com novas funcionalidades. Além disso, apesar do Android Wear oferecer uma opção bem mais em conta em relação ao Apple Watch, por enquanto suas funcionalidades são bastante limitadas. Então, recomendamos aguardar um pouco para ver se o Google adiciona recursos adicionais ao sistema, permitindo uma melhor interação para o usuário.

Se ficou curioso como esses dispositivos funcionam com todo o seu poder, veja abaixo nossas análises do Sony Smartwatch 3, Moto 360 e Apple Watch.

Review do Sony Smartwatch 3

Review do Moto 360

Review do Apple Watch

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome