Guia de Cursos de TI: Sistemas de Informação

Por Redação | 18 de Fevereiro de 2013 às 09h05

Duração do Curso: 4 anos

Mercado de trabalho: Ramo bancário, montadoras, empresas de telefonia, indústrias, pequenas, médias e grandes empresas, multinacionais, empresas que prestam serviços de TI.

Salário inicial: R$ 2.500,00

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Expectativa salarial: até R$ 18 mil

Veja mais: Guia de Cursos de TI - saiba qual é o mais indicado para você

O curso de Sistemas de Informação é um bacharelado de quatro anos de duração que tem como foco o estudo da informática, da tecnologia da informação e de suas relações. De certa forma, o profissional desta área reúne as competências de outros cursos técnicos da área de TI, como Rede de Computadores, Banco de Dados, Análise e Desenvolvimento e Sistemas para a Internet.

O bacharel em Sistemas de Informação está apto para desenvolver, planejar e escrever software novo para empresas e cadeias de produção; criar, organizar, administrar e garantir a segurança de redes de computadores em uma empresa; desenvolver e administrar páginas e plataformas na web; e criar, trabalhar na manutenção e manter seguros bancos de dados empresariais.

Por sair da faculdade com um leque amplo de conhecimento, o profissional não precisa necessariamente ir trabalhar com hardware ou software, seguindo para a área mais próxima de gestão e administração de TI, como gerência de projetos, através da ligação entre a administração e a área de computação de uma empresa, a área da logística, consultoria ou até a área de marketing e vendas.

"Não é uma obrigação que esse profissional vá trabalhar com a máquina, são muitas possibilidades", explica César Caetano, coordenador do curso de graduação em Sistemas de Informação da FIAP. As áreas ligadas à administração e gestão são, inclusive, as que costumam render os melhores salários para o profissional com mais anos de carreira, chegando a patamares de até R$ 18 mil para gerentes.

Independentemente da área, a recomendação é que o profissional comece cedo no mercado de trabalho, de preferência com um estágio a partir do segundo ano de curso. "Desta forma a empresa tem mais tranquilidade para contratar o recém-formado, sabendo que ele está preparado", afirma César. Estágios na área de Sistemas de Informação costumam estar alinhados com a grande oferta de empregos e demanda por profissionais, girando em torno dos R$ 1.000,00 de bolsa.

É necessário também que o profissional invista em outras línguas, tendo o inglês como obrigatória, já que a maior parte da programação é feita neste idioma, e algum outro adicional, como o espanhol. Parte do trabalho do profissional de Sistema de Informação é no contato direto com o cliente, o que pede que a pessoa mantenha-se atualizada para garantir um relacionamento bom. Assim como outros cursos da área, certificações são necessárias para manter o profissional em dia com o mercado. “O aluno entra com uma tecnologia no mercado e, depois de quatro anos de curso, já precisa se atualizar”, explica Caetano.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.