Última fabricante vai deixar de produzir aparelhos de VHS ainda este mês

Por Redação | 21 de Julho de 2016 às 20h50
photo_camera Reprodução

De acordo com o Nikkei, jornal japonês especializado em economia, a Funai Electric vai deixar de fabricar aparelhos de videocassete no formato VHS até o final de julho. Essa era a última empresa conhecida a construir esse tipo de dispositivo no Japão.

A decisão veio em função da diminuição do mercado e da dificuldade em conseguir peças. A Funai fabricava os aparelhos na China e os vendia para todo o mundo usando a marca Sanyo.

A companhia começou no ramo em 1983 e chegou a vender mais de 15 milhões de unidades em um ano. Agora, com o streaming e o Blu-ray (além do velho DVD) se popularizando, foram comercializados apenas 750 mil aparelhos no último ano.

O rival do VHS, o Betamax da Sony, até que teve uma vida longa também. Os aparelhos de videocassete pararam de ser produzidos em 2002, mas as fitas continuaram até novembro de 2015. O formato pode até ter perdido a guerra para o VHS, mas ainda vive no mundo profissional com o Betacam.

Pensando bem, é incrível pensar que a humanidade usava uma enorme fita para ver filmes. A qualidade não era das melhores, e a mídia se deteriorava rapidamente – isso quando a fita não se enroscava nas partes mecânicas do videocassete. Mas era o que tinha até os anos 90, e todo mundo adorava.

Com informações da Ars Technica (Nikkei).

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.