Primeiro pornô para realidade virtual está quase pronto

Por Redação | 06 de Julho de 2015 às 11h13

E a pornografia prova, mais uma vez, que é uma indústria pioneira. Depois de inovar com filmes em 4K, abraçar o 3D e até ser a grande responsável pela navegação anônima nos navegadores, o entretenimento adulto já prepara sua estreia em outra nova tecnologia ao anunciar que já está com tudo pronto para seu primeiro conteúdo para os óculos de realidade virtual.

As intenções do segmento pornô com esses novos recursos já haviam sido comentadas antes, mas ganharam novos tons após a Naughty America anunciar que sua primeira produção dedicada a essa tecnologia está quase finalizada.

Segundo a empresa, a cena foi criada e testada em diversos dispositivos para que cada usuário possa ter a melhor experiência em cada tipo de tecnologia utilizada. E eles realmente pensaram em tudo, já que há desde o Oculus Rift para quem gosta dos seus pornôs no PC até o Samsung Gear VR e o Homido Virtual Reality Headset para usuários de Android e iOS, respectivamente.

Apesar de parecer apenas um oportunismo para se aproveitar do foco que a realidade virtual vem ganhando nos últimos meses, o próprio CEO da Naughty America deixou claro que esse tipo de experiência é algo que o seu público quer. Segundo Andreas Hronopoulos, os consumidores do pornô querem estar perto daquela realidade, mas sem ter que entrar nela efetivamente.

Tanto que muita gente considera a pornografia como algo que vai aproveitar esses óculos com muito mais variedade do que os meios educativos e os próprios videogames. Basta lembrar que “Emmanuelle no Espaço” foi um dos primeiros filmes a mostrar como sexo e realidade virtual podem combinar muito bem.

O mais engraçado disso tudo é que não será preciso esperar muito para conferir a arte do prazer virtual à frente dos seus olhos. A Naughty America confirmou que vai levar sua demonstração para a San Dieco Comic-Con nesta semana. Isso significa que, além das novidades sobre Batman vs. Superman, o pessoal que for ao evento vai ter um motivo a mais para se animar.

A empresa revelou ainda que haverá duas opções de filme e que elas não serão exclusivas para o público masculino. Assim, caso uma mulher queira experimentar o pornô de realidade virtual, ela vai ter uma experiência dedicada aos seus gostos. A ideia é expandir isso para todos os gostos.

Por outro lado, a produtora não revelou quando pretende lançar seu filme comercialmente. Os principais óculos chegam ao mercado só no início do ano que vem e seria uma ótima sacada liberar um filme pornô como um dos primeiros conteúdos compatíveis com aquela tecnologia, uma vez que ela realmente mostraria ao público que o recurso realmente funciona.

Via: Pocket Lint

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.