Homem vestido de Jesus é preso após se recusar a deixar Apple Store

Por Redação | 04 de Maio de 2016 às 19h24

Em todo mundo, as lojas da Apple costumam receber diversas pessoas das mais variadas idades e nacionalidades. No entanto, talvez poucas visitas foram tão peculiares quanto a de Philly Jesus, que apareceu em uma loja da empresa na Filadélfia, nos Estados Unidos, vestido de Jesus Cristo. Depois de se recusar a sair da loja mesmo com vários pedidos dos funcionários, Philly Jesus, cujo nome real é Michael Grant, foi preso.

Na foto abaixo é possível ver o momento em que Philly Jesus foi detido.

Philly Jesus

O falso Messias foi libertado menos de um dia após o ocorrido. Mais tarde, ele utilizou sua conta no Twitter para expressar sua indignação. Em seu tweet ele afirmou que "nada pode me parar!", e que ele foi perseguido por sua fé na loja da Apple.

Michael Grant é ex-viciado em drogas e atualmente cita as Escrituras durante suas conversas. Esta não é a primeira vez que Philly Jesus é preso. Em 2014, ele também foi preso por se recusar a deixar uma pista de patinação. Nesta outra ocasião, ele também estava vestido com trajes típicos de Jesus Cristo.

Via BGR

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.