Airbus registra patente de cabine de passageiros removível

Por Redação | 27.11.2015 às 11:02
photo_camera Rafael Romer/Canaltech

Viajar de avião é algo que para uns é uma aventura única, mas para outros faz parte de uma tortura semanal, ou às vezes até diária, de algumas horas que se perde no dia, sentado desconfortavelmente e tendo que comer comida ruim. O desconforto até dá para relevar, mas o tempo perdido realmente não tem como recuperar. O tempo de voo em si não há muito o que ser feito para reduzi-lo, mas outro fator que toma bastante tempo é o processo de embarque e desembarque. Quem viaja do Rio para São Paulo sente bem essa questão, uma vez que o voo em si dura em média 45 minutos da decolagem até o pouso, mas facilmente se perde 3 horas do dia com todo o processo.

Fabricantes de aeronaves comerciais estão constantemente pensando em soluções para aumentar a eficiência de seus aviões e a gigante europeia Airbus, que é uma das maiores do mundo, recentemente teve aprovado o registro de uma patente que traz uma solução radical e inovadora para esse problema do tempo de embarque. Chamado de Aircraft Pod Concept, o projeto é composto por um módulo de passageiros removível em que os ocupantes embarcam antes do avião chegar, e quando ele chega pronto para o voo, o módulo seria simplesmente encaixado na aeronave.

Patente Airbus Cabine Removivel

Desenho da cabine sendo encaixada

Hoje em dia o processo para que o avião fique pronto toma bastante tempo. Imagine a dinâmica após um pouso cheio - os passageiros precisam desembarcar, os assentos devem ser limpos, a carga com as bagagens deve ser retirada, novas bagagens recolocadas, suprimentos como serviço de bordo também embarcados e, para finalizar, os passageiros. A cabine removível permitiria que todo esse processo fosse feito sem a necessidade da aeronave estar no local. Sendo assim, antes mesmo do pouso, todos os passageiros e carga estariam a bordo, e bastaria o avião chegar, descarregar o primeiro módulo, carregar o segundo e partir novamente.

Patente Airbus Cabine Removivel

Conceito de como seria a infraestrutura do aeroporto para dar suporte a todo o processo

Obviamente que, apesar da ideia ser muito bacana e aparentemente solucionar vários problemas que enfrentamos hoje em dia, a coisa não é tão simples assim. Primeiro, seria necessário que os aeroportos tivessem uma infraestrutura capaz de lidar com todo esse procedimento. Segundo, as companhias aéreas e outros fabricantes de aeronaves teriam também que topar utilizar e construir aviões com essa característica "um pouco" fora do comum. Por último, mas não menos importante, seriam os desafios técnicos e de segurança, que com certeza não serão poucos.

Esta não é a primeira nem a última patente fora do comum da Airbus e a empresa investe pesado em conceitos e tecnologias para o futuro. A cabine removível pode até estar um pouco longe da realidade no momento, mas nada impede de no futuro vermos algo do tipo tomando forma. Se olharmos 100 anos atrás, ninguém imaginaria que estaríamos cruzando os céus aos milhões todos os dias, encurtando para poucas horas uma viagem que poderia levar meses de navio.

Fonte: USPTO (Escritório de Patentes dos EUA) via Engadget