Shrturl cria mais de 680 mil páginas falsas em uma semana

Por Redação | 12.06.2014 às 15:13

O designer do The Next Web, Alexander Griffioen, desenvolveu uma ferramenta que pode ser considerada por alguns como um risco para a web e, para outros, apenas mais uma forma de diversão na internet: o Shrturl. O site é um encurtador de URLs que permite que você edite a página das URLs que você desejar. Não é uma edição de verdade na fonte do site, no entanto você consegue fazer uma série de alterações que enganam até mesmo os olhos mais vivos.

O Shrturl funciona assim: você entra no site shrturl.co, digita uma URL no box e pressiona o botão “Edit”. Logo você será redirecionado para a página em uma versão fake do site, onde você poderá editar o conteúdo, como mudar o texto, adicionar imagens e fazer várias outras “brincadeiras” que você quiser. Quando terminar, basta clicar em “Save & Finish” e você terá uma URL encurtada que leva para a sua página editada.

Veja a brincadeira que fizemos com a página do Canaltech para ver como funciona:

Shrturl Canaltech

A proposta inicial é promover o humor, no entanto, a ferramenta pode ser usada para fins bem desonestos, como editar manchetes de sites notícias, adicionar notícias falsas e fazer brincadeiras de mal gosto. Vale lembrar que o Shrturl não deixa nenhuma “assinatura” explicando que o site foi alterado.

Apesar da intenção de brincadeira, o grande problema é que a ferramenta passou a ser largamente usada com fins maliciosos. As URLs encurtadas expiram após 48 horas, mas nesse tempo dá para fazer bastante gente cair numa pegadinha.

Na página do Shrturl há um aviso que criações ofensivas serão apagadas, no entanto, em uma semana o site já gerou 681 mil páginas alteradas.