Nestlé fecha acordo de biotecnologia para fornecimento de células tronco

Por Redação | 09.01.2014 às 06:30

A Nestlé, gigante suíça dos chocolates e bebidas, acertou uma parceria com a empresa norte-americana de biotecnologia Cellular Dynamics International (CDI), que faz parte da sua iniciativa de pesquisar sobre a ligação entre dietas e doenças.

A CDI, que desenvolve e fabrica células humanas em quantidades industriais sob especificações precisas para seus clientes, disse em um comunicado que assinou um acordo de longo prazo para fornecer células-tronco ao Instituto de Ciências da Saúde da Nestlé, porém os detalhes financeiros do acordo não foram revelados.

A Nestlé está aproximando cada vez mais alimentos e ciência em sua unidade de Ciências da Saúde, estabelecida em 2011 para acompanhar uma demanda crescente por "alimentos medicinais" de uma população cada vez mais idosa. Em 2012, a empresa adquiriu uma parcela de outra companhia norte-americana, a Accera, que fabrica alimentos para pacientes que possuem Mal de Alzheimer, e em fevereiro do ano passado, a suíça também anunciou que estaria comprando a Pamlab, empresa que produz alimentos para pessoas portadoras de doenças como diabetes, demência e depressão, além de gravidez de alto risco.

O Wall Street Journal relatou que a Nestlé utilizará as células para estudar o efeito de nutrientes encontrado em alimentos e desenvolver bebidas e outros produtos com nutrição aprimorada.