Curtidas e compartilhamentos no Facebook podem trazer muitos problemas

Por Redação | 07 de Dezembro de 2012 às 14h40

Se você gosta de sair por aí curtindo e compartilhando tudo o que vê no Facebook sem pensar nas consequências que aquele conteúdo pode gerar, fique esperto. Nos Estados Unidos a polícia já está de olho nesse tipo de atitude para buscar "pessoas suspeitas".

O FBI (Departamento Federal de Investigação do país) recentemente colocou três homens atrás das grades acusados de suspeita de conspiração. As informações dão conta de que eles estavam curtindo e divulgando conteúdo de uma página da Jihad Islâmica, um grupo considerado terrorista pelo governo dos Estados Unidos.

Claro que a polícia não utilizou apenas esse argumento para prender os acusados, mas essa foi uma parte da investigação que chamou mais uma vez a atenção das pessoas para o poder das mídias sociais, afinal os hábitos desses usuários no Facebook foram considerados provas contra eles. O processo completo desse caso pode ser acessado online.

Não é tão incomum ouvir falar sobre casos em que as redes sociais foram utilizadas como fonte de informação para a polícia. Em meados de setembro desse ano, por exemplo, a polícia de Franca, interior de São Paulo, capturou um adolescente que utilizava seu perfil no Facebook para fazer apologia e propaganda do seu "trabalho" como traficante de drogas.

Traficante Facebook

Imagem: Reprodução / Globo.com

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.