Cientistas constroem o melhor dispositivo de invisibilidade já criado

Por Redação | 02 de Outubro de 2014 às 15h38

A busca por um dispositivo capaz de tornar objetos invisíveis não é novidade e a ideia de tornar pessoas e objetos 100% camufláveis é um sonho da ciência, observado não apenas em em perquisas e artigos científicos, mas também em grandes obras do imaginário humano, como quadrinhos, filmes e livros.

Na última semana, um grupo de estudiosos da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, apresentou ao mundo um dispositivo que, além de possibilitar a invisibilidade da maneira mais perfeita vista até o momento, é construído de forma simples e acessível a quase todas as pessoas.

Para a construção do dispositivo, que recebeu o nome de Capa de Rochester, os americanos utilizaram quatro lentes simples, dispostas a uma distância ideal umas das outras, de maneira que um objeto qualquer – para a demonstração foram utilizadas a mão de um dos cientistas e uma régua – fique completamente camuflado quando observado através do aparelho.

A ideia por trás desse tipo de dispositivo é fazer com que a luz contorne o objeto a ser camuflado como se não houvesse nada ali. Até hoje, muitos passos importantes já foram dados rumo a um dispositivo de invisibilidade ideal, utilizando desde nanotecnologia até materiais exóticos capazes de refletir um percentual muito superior da luz.

Apesar de a tecnologia já ter apresentado resultados de certa forma satisfatórios utilizando outros métodos, a Capa de Rochester é o primeiro dispositivo capaz de realizar uma camuflagem tridimensional, explica Joseph Choi, aluno da Universidade de Rochester e um dos responsáveis pelo projeto. Ou seja, mesmo que o observador se movimente e saia da posição ideal de observação, o objeto permanece invisível.

Outro ponto impartante a ser considerado durante o desenvolvimento de uma "capa de invisibilidade" é a não distorção do fundo. Como o trabalho de camuflagem envolve a manipulação da luz, é muito fácil que haja pequenas deformações no plano de fundo que podem tornar a ocultação perceptível. Para evitar que isso acontecesse, os cientistas utilizaram um plano de fundo quadriculado para que qualquer distorção, mesmo que mínima, fosse percebida. O resultado observado por eles foi excelente: a Capa de Rochester é totalmente eficaz até mesmo na manutenção do fundo da imagem.

capa de rochester

Segundo os responsáveis pelo projeto, o dispositivo pode ser recriado de maneira simples e em qualquer escala em que se possa construir lentes. Graças a isso, ele possui aplicações desde para a área militar e de inteligência até para a medicina ou mesmo no cotidiano, como na eliminição do chamado "ponto cego" em veículos, por exemplo.

Se você ficou curioso e quer saber mais, confira o vídeo oficial de divulgação do projeto, em inglês.

Fonte: http://www.shinyshiny.tv/2014/09/scientists-built-best-invisibility-device-yet.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+shinyshiny%2FIbAC+%28Shiny+Shiny%29

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.