Nicólas Maduro exige que bancos da Venezuela utilizem sua criptomoeda, o Petro

Por Natalie Rosa | 28 de Agosto de 2018 às 12h04
Reprodução

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, está exigindo que todos os bancos do país passem a usar sua criptomoeda, batizada de Petro. O câmbio foi oficializado há poucos dias como o segundo oficial do país, ao lado do Bolívar Soberano.

A Venezuela vem passando por uma grave crise financeira e, por cerca de um ano, Maduro planeja a adoção da sua criptomoeda em bancos públicos e privados. Somente no mês passado, o país passou pela maior taxa de inflação já registrada, com aumento de aproximadamente 82,76% em produtos e serviços.

A indústria do petróleo também já recebeu ordens para começar a usar o Petro em transações comerciais. 

Junto com a oficialização do Petro, Maduro alterou a sua moeda tradicional, o Bolívar, para o Bolívar Soberano.

Fonte: The Next Web

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.