Projetor IllumiRoom não deve chegar ao mercado tão cedo

Por Redação | 02 de Setembro de 2013 às 16h28

No começo do ano, durante a E3, a maior feira de games do mundo, a Microsoft demonstrou sua tecnologia IllumiRoom, um projeto que expande as imagens do game exibidas na tela da TV para todo o ambiente e transforma sua sala de jogos em um cenário de realidade aumentada.

Apesar de ter feito muito gamer por aí babar e ficar na expectativa pelo lançamento do produto, o projetor de realidade aumentada deve demorar bastante para chegar ao consumidor final. Por enquanto, o IllumiRoom deve ficar apenas no setor de pesquisa e desenvolvimento da Microsoft, já que a empresa alega que seria caro demais trazê-lo para o mercado.

Albert Penello, líder do produto do Xbox One na Microsoft, disse em entrevista ao AusGamers que "É realmente super legal se você estiver no laboratório e tiver o dinheiro da Microsoft e puder configurar este laboratório incrível, mas... olhamos para ele, e para um consumidor médio, ele custaria milhares de dólares".

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

É uma pena, mas isso não quer dizer que ele nunca chegará às prateleiras. Se serve de consolo, o primeiro protótipo do Kinect, o sensor de movimentos do Xbox 360 e do novo Xbox One, custou cerca de US$ 30 mil para ser produzido e hoje pode ser encontrado por pouco mais de 100 dólares no exterior.

Quem sabe daqui alguns anos?

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.