Japão desenvolve rabo artificial que te dará a agilidade de um gato

Por Rafael Rodrigues da Silva | 06 de Agosto de 2019 às 17h35

Pesquisadores da Universidade de Keio (Japão) desenvolveram um equipamento que promete levar a arte do cosplay para outro nível: trata-se de um rabo vestível que não é apenas um item cosmético, mas que realmente melhora atributos físicos do usuário, como equilíbrio e agilidade.

Batizado de Arque, o rabo foi criado pelos cientistas ao notarem como esse componente tinha um papel importante para que os macacos conseguissem se movimentar tão facilmente entre os galhos de árvores. Isso porque ele não servia apenas como um terceiro “braço” para segurar o galho, mas também funcionava como contrapeso para reposicionar o corpo dos animais no ar e garantir um pouso após cada salto.

Basicamente, o Arque exerceria a mesma função função nos humanos, servindo para ajustar a posição do corpo durante uma queda e servindo de apoio para garantir um maior equilíbrio, garantindo ao usuário uma agilidade equivalente a de um gato.

Com um design parecido com o rabo de um cavalo-marinho, o equipamento pode ser facilmente customizável para qualquer usuário ao adicionar ou diminuir o número de segmentos que o compõem, o que permite ser usado por pessoas de todos os pesos e tamanhos. Internamente, cada segmento possui quatro músculos artificiais que se expandem e contraem, permitindo que o rabo se movimente em qualquer direção ou mesmo se enrole para garantir maior superfície de apoio.

Entre as aplicações práticas, o Arque pode ser usado por operários da construção civil e outros trabalhadores que precisam carregar objetos pesados, substituindo os atuais exoesqueletos. Isso porque, ao trabalhar como contrapeso, o rabo permite que o usuário necessite de menos força para levantar um objeto do solo e tem a vantagem de ser muito mais fácil de vestir e retirar após o uso. Os cientistas que o criaram também acreditam que ele pode ser usado para fornecer maior imersão em ambientes de realidade virtual, permitindo imitar melhor todos os movimentos que o corpo faz neste ambiente.

Como ainda é um projeto em desenvolvimento, não há previsão de quando o Arque chegará ao mercado ou mesmo quanto ele custará. Mas, se cumprir tudo o que promete, o dispositivo deverá fazer bastante sucesso quando finalmente for lançado.

Fonte: YouTube

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.