Vivo Empresas lança solução de cloud para micro, pequenas e médias empresas

Por Redação | 08 de Junho de 2016 às 22h20

A Vivo Empresas, setor da Telefônica Vivo direcionado para o B2B, anunciou o lançamento do Vivo Cloud Server One para micro, pequenas e médias empresas (PMEs). A solução de cloud específica para empresas que não possuem expertise em TI disponibiliza servidores em nuvem que são capazes de hospedar sites, blogs e executar sistemas variados. Os empresários também poderão utilizar a solução em nuvem para armazenar seus arquivos.

A solução, de acordo com a Vivo Empresa, utiliza a tecnologia de ponta do seu data center comercial. O Vivo Cloud Server One oferece para as PMEs uma interface de fácil uso, onde é possível criar e acessar o servidor virtual. A Vivo Empresa está oferecendo 11 tipos de pacotes para adaptar as mais variadas necessidades e estilos de negócios. Segundo a companhia, os pacotes variam em taxas, bem como quantidade e capacidade de máquinas virtuais.

Com a solução, as PMEs não precisarão mais se preocupar com a aquisição de infraestrutura, como equipamentos e servidores locais, sendo que espaço, manutenção, limites de tráfego e oscilações de fatura estarão acessíveis aos clientes por meio da plataforma. O Vivo Cloud Server One também promete uma interface acessível para qualquer tipo de empresa, o que possibilita a redução de custos e maior eficiência. Vale a pena ressaltar que os data centers da Vivo possuem certificação Tier III, que garantem maior segurança.

O Vivo Cloud Server One utiliza a plataforma de nuvem da multinacional chinesa Huawei, que é composta por equipamentos de redes, servidores e armazenamento. Além disso, a solução trabalha com sistema operacional baseado no Openstack, software de código aberto capaz de gerenciar componentes de múltiplas infraestruturas virtualizadas. Canonical, Dell, IBM, Cisco, HP, VMware, entre outros mais de 100 membros já utilizam o Openstack em suas soluções de nuvem.

Com o lançamento da plataforma para as PMEs, a Telefônica Vivo espera ampliar seu alcance no setor empresarial. No último balanço anual, de 2015, a companhia obteve 3,8 milhões de acessos no mercado corporativo, enquanto a receita obtida oriunda de dados corporativos e T.I. cresceu 2,5% no ano passado em relação a 2014.

Via B!T Magazine

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.