Empresas se juntam contra acordo de US$ 10 bilhões do Pentágono com a AWS

Por Wagner Wakka | 06 de Julho de 2018 às 07h40
Tudo sobre

Amazon

Empresas de tecnologia estão se juntando para enfrentar uma decisão do Pentágono em fechar um contrato de US$ 10 bilhões para a utilização do serviço de nuvem Amazon Web Service (AWS). Oracle, SAP, General Dynamics, Red Hat, VMware, Microsoft, IBM, Dell Technologies e Hewlett Packard se juntaram contra a decisão do governo de contratar apenas um fornecedor para o serviço.

Segundo levantamento da Bloomberg, entre quem teve acesso a e-mails trocados entre o grupo, apenas Oracle, Microsoft e IBM teriam capacidade de concorrer na competição. As outras empresas entraram no processo para pedir que o Pentágono revise a ideia de trabalhar com fornecedor único; algumas delas possuem contratos militares com o serviço, os quais podem ser prejudicados com o novo acordo.

Em março, o Pentágono abriu a concorrência para a contratação de serviços em nuvem para passar várias informações sigilosas de dados locais em ambiente de nuvem. Não só a empresa escolhida precisa fazer a transferência de todos os dados, mas também garantir ferramentas de segurança, por se tratar de arquivos sigilosos. Embora tenha negociado o contrato bilionário com a AWS, o órgão apenas vai fechar o acordo em setembro depois de revisar todos os parâmetros exigidos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Como forma de combater a decisão, o grupo tem entrado em contato com outras empresas de tecnologia, acionando políticos e jornalistas alegando que a medida pode ser um passo forte da AWS em direção ao monopólio. Com isso, o grupo já conseguiu suspender o orçamento voltado ao projeto até que o Pentágono possa comprovar que o processo de licitação exige que seja voltado apenas a um único fornecedor, ou se vale a pena usar múltiplos provedores de nuvem.

Fonte: SFGATE

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.